Pular para o conteúdo principal

Médico britânico é advertido por prescrever fé em Jesus aos pacientes

Scott disse que vai recorrer da advertência
A GMC (General Medical Council), órgão que fiscaliza o exercício da medicina no Reino Unido, advertiu Richard Scott (foto), 50, por estar prescrevendo fé em Cristo aos pacientes com parte do processo de cura. 

Scott disse que vai recorrer da advertência, levando o caso à audiência pública, se preciso. Casado e pai de três filhos, ele atuou como cirurgião e missionário na Tanzânia e Índia.

O médico foi denunciado pela mãe de uma paciente de 24 anos. “Ele tentou empurrar religião para a minha filha.”  De acordo com a filha, Scott disse que ela “precisava de Jesus” para se sentir melhor.

O médico contestou a argumentação da GMC de que ele está desacreditando a medicina. Ele confirmou que vinha conversando sobre Cristo com os pacientes, mas de uma maneira consensual e de acordo com a prática de outros médicos.

“Nenhum paciente disse estar ofendido com a minha recomendação [sobre fé]. Se alguém tivesse reclamado, eu teria encerrado a conversa imediatamente”, afirmou.

O médico Peter Saunders, da Christian Medical Fellowship, defendeu Scott com o argumento de que ele recorreu à espiritualidade com o propósito de ajudar a recuperação dos pacientes, e não para pregar a fé cristã. “A GMC exagerou”, disse.

A GMC, que corresponde no Brasil ao Conselho Federal de Medicina, comunicou a Scott que ele se aproveitou de pessoas em situação vulnerável para fazer proselitismo religioso. Informou que, se insistir nisso, seu registro profissional será cassado.

Comentários

  1. Os fatos sao esses:

    Dor de cabeça + aspirina + orar a Jesus = cura

    Dor de cabeça + aspirina = cura

    Dor de cabeça + orar a Jesus = a dor continua

    É facil os crentes falarem de uma ou algumas "curas" ocorridas em igrejas, com pessoas portando doencas que sao invisiveis a olho nu.

    Mas é obvio que nenhum crente vai falar de curas com pessoas portadoras de doenças visiveis ou em hospitais, onde estao internadas centenas a milhares de pessoas.

    ResponderExcluir
  2. Ha outros fatos também:

    Soberba + egocentrismo + futilidade = a ateísmo e não tem cura!

    Se fosse um médico que prescrevesse eutanásia, aborto, promiscuidade ou mesmo a incredulidade mais estúpida, não teria advertencia ou punição evidentemente...

    ResponderExcluir
  3. É, mas tem outro fato, ainda:

    Inglaterra + médico suspeito de proselitismo religioso = advertência + ameaça de cassação de licença profissional.

    Brasil + mau atendimento + erros médicos + mortes e sequelas + danos morais = prováveis impunidades.

    Fechou?

    ResponderExcluir
  4. É óbvio também que, ainda:

    pedra na cabeça + pé descalço + hábito de são francisco = fantasia de religioso desgraçado

    cruz no pescoço + gola branca engomada + terno fino e riscado = fantasia de religioso afortunado

    um certo ar santarrão + uma gorda conta bancária + uma turma de meninos = fantasia de padre pedófilo safado

    uma biblia cheirando a mofo + uma imagem de Maria + um terço = católico não engajado

    uma biblia fedendo a suvaco + um microfone e uma caixa de som + alguns gritos e saracoteados
    pinotes e grunhidos enrolados = crente alienado

    ResponderExcluir
  5. É obvio que o THIAGO esta sendo SOBERBO, cheio de EGOCENTRISMO e escrevendo FUTILIDADES. So podia ser um crente !

    ResponderExcluir
  6. É obvio que incrédulos ateus são MOFADOS, cheios de MAU ODOR, cometendo PEDERASTiA. Tanta asneira só podia vir de mediocres.

    Meus caros, o portugues é tão rico e adjetivos mais educados não faltam. Sugiro pela enésima vez evitarem a vulgaridade. Não sejam esdruxulos descendo o nível assim...

    Agora fechou!

    ResponderExcluir
  7. É obvio que crédulos crentes são MOFADOS, cheios de MAU ODOR, cometendo PEDERASTIA.

    Tanta asneira só podia vir de crentes mediocres.

    Afinal, os crentes sao sempre cheios de odio pelo proximo. O Thiago é a demonstracao cabal e definitiva disso, mostrando intolerancia, agressoes, insultos e ataques pessoais.

    Mas fazer o que, ele mesmo se mostra exdruxulo, baixando o nivel, sendo vulgar. Falta educacao a ele, e ele é muito pobre como ser humano decente e moral.

    Meus caros, evitem a vulgaridade desse crente Thiago.

    ResponderExcluir
  8. O que significa "esdrúxulo"?

    ResponderExcluir
  9. Thiago: "Se fosse um médico que prescrevesse eutanásia, aborto, promiscuidade "

    Se fosse, se um médico prescreve (ou executa o procedimento, o que seria mais correto) um aborto ou eutanasia, estaria dentro da norma, de prescrever tratamentos e procedimentos reais, concretos. Pode discordar dos procedimentos, ter restrições éticas aos mesmos, mas deve entender que são reais, concretos, válidos, eficazes. São procedimentos que existem de "verdade".

    Nem aborto, nem eutanásia, são seres imaginários, ou procedimentos inverificáveis, não tem como serem comparados com seu amigo imaginário. Um médico que prescreve "fé" , reza, ou qualquer bobagem sem comprovação, deve ser advertido.

    Já "promiscuidade" nem mesmo faz sentido..:-) Por que um médico "prescreveria" promiscuidade? Qual doença ele estaria tratando? Se um médico "prescreve" promiscuidade, será advertido, ou mesmo perderá o registro, como o que prescreve reza e "jisuis".

    Um por prescrever uma bobagem sem comprovação, uma fé em seres imaginários, outro por prescrever algo que nem é tratamento.

    E de toda forma promiscuidade não é crime, nem pecado, é apenas uma forma de viver, que alguns adotam, e nem você nem ninguém tem nada com isso (como crentes tem medo de sexo, puxa vida, parecem crianças assustadas..:-).

    Thiago: " Não sejam esdruxulos descendo o nível assim..."

    Não há nível, a se discutir assim, sem argumentos, e sem sentido. Sua frase inicial, uma provocação clara, de troll religioso, demonstra que não há nível algum. Só trolagem crente, sem sentido ou razão.

    ResponderExcluir
  10. Bem típico de um deísta fundamentalista cristão prescrever religião à algo que levou 4 a 5 anos para aprender na faculdade: não é mesmo Thiago? Quer dizer então que tem que orar e deixar a medicina para as moscas é isso? Lamentável você achar que a fé cura doenças, talvez tenha ignorado a declaração de um pastor que disse que essa de que deus cura é tudo conversa para angariar fundos para financiar a vida deles. Fora isso, nem me diga que o carro dos seus sonhos deus vai te dar, pois isso não é verade de jeito nenhum.

    Alguém aí sabe se esse tal deus tem concesionária?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Posts mais acessados na semana

Associação Humanista Americana retira prêmio de Dawkins por ele questionar pessoas trans

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Governo de Angola suspende as transmissões da TV Record