Justiça proíbe filho de Crivella de usar recursos da prefeitura



A juíza Neusa Regina Larsen de Alvarenga, da 14ª Vara de Fazenda Publica, do Rio, proibiu Marcelo Hodge Crivella (foto abaixo), filho do prefeito Marcelo Crivella (PRB), de usar qualquer recurso da prefeitura.

Embora o STF (Supremo Tribunal Federal) tenha anulado a nomeação de Crivellinha para o cargo de Secretário da Casa Civil, por ser nepotismo, o filho de Crivella tem comparecido à prefeitura, como se fosse um funcionário.

A partir de agora Crivellinha não poderá usar dependências da prefeitura, telefones e carros oficiais.

Além de desrespeitar a lei do nepotismo, ressaltou a juíza, o filho do Crivella, que é formado em psicologia cristã, não tem qualquer experiência na administração pública.

Crivellinha é formado
em psicologia cristã
Com informação do site da Veja.

Envio de correção



CFP não aceita a ‘psicologia cristã’ de filho de Crivella

Postar um comentário