domingo, 5 de julho de 2015

'Castelo' de grupo católico avança em área de preservação

Arautos do Evangelho
 têm uma basílica em
local de mananciais
Uma basílica inaugurada em 2008 pelo grupo católico Arautos do Evangelho na serra da Cantareira, no município de Caieiras (SP), está aumentando sua área construída em pelo menos 25% do seu tamanho para abrigar uma biblioteca da altura equivalente a um prédio de 18 andares.

Os ambientalistas gostariam que as obras de agora, iniciadas há nove meses, não tivessem obtido a autorização das autoridades ambientais, porque elas se encontram em área de preservação ambiental. A serra da Cantareira tem mananciais, mata nativa e animais silvestres.

Na região já existe muita ocupação ilegal ou irregular de terrenos, como favelas.

Chamada pela população local de “castelo” por causa de sua proporção, a Basílica Nossa Senhora do Rosário tem 60 metros de altura e 96 metros quadrados. Moram no local 160 seminaristas de 42 países.

Os Arautos do Evangelho são um grupo dissidente da ultraconservadora entidade católica TFP (Tradição, Família e Propriedade).

As informações são de Felipe Souza, da Folha de S.Paulo. Os Arautos informaram ao repórter que as obras estão sendo financiadas por doações de todo o mundo e pela edição de uma revista católica, entre outros empreendimentos, mas não revelaram a soma do dinheiro.

A biblioteca ficará pronta em 2017 e terá capacidade para 150 mil livros.

Em 2012, ambientalistas já tinham criticado o grupo católico por erigir um “castelo” de 9 mil metros quadrados de área construída em praias isoladas no litoral norte paulista, em Ubatuba, que é uma região cercada por Mata Atlântica.

De acordo com moradores da região na época, os Arautos registraram o “castelo” como igreja, ficando assim dispensada de obter autorização ambiental da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado).

Serra da Cantareira, em Caieiras, fica a 37 km de São Paulo

Com informação da Folha de S.Paulo e de outras fontes e foto de divulgação.





Católicos chamam castelo de igreja para burlar lei ambiental


Postar um comentário

Posts mais compartilhados na semana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...