Paulopes

Religião, ateísmo, ciência e astronomia

terça-feira, 26 de maio de 2015

Cão Darwin que comeu Bíblia foi visto mais de 6 milhões de vezes

Gabriela chama a atenção
de Darwin por ter comido
o Gênesis inteiro 
O vídeo [ver abaixo] postado no dia 5 de maio no Facebook que mostra a professora de biologia Gabriela Dávila (foto), 27, chamando a atenção o seu cãozinho Darwkin (foto) por ele ter comido parte de uma Bíblia já foi visto mais de 6,2 milhões de vezes.

“Olha, que feio”, diz Gabriela para Darwkin, que “chora” e esconde o rosto por ter percebido que fez coisa errada.

A professora brinca com o cãozinho dizendo que ele correu risco porque quem danifica Bíblia pode ser morto (por fanáticos religiosos).

O nome do vira-lata de sete meses é uma homenagem de Gabriela ao naturalista Charles Darwin (1809-1882), cuja teoria da evolução das espécies tornou supérflua a pregação de que Deus criou o homem à sua semelhança.

No Facebook, muita gente tem feito piada com o vídeo. Uma delas diz que o cãozinho demonstrou ter o comportamento irreverente dos chamados “novos ateus”.

“Esse cachorro certamente não mastigaria um livro o militante ateu Dawkins.”

Gabriela ficou surpreendida com a audiência do vídeo, que em menos de uma semana foi acessado cinco milhões de vezes.

“Não sabia que ia dar a repercussão que deu”, disse. “Colocamos o vídeo [no Facebook] apenas para que meus alunos pudessem ver as peripécias do Darwin."

Peripécias de um cãozinho ateu


O dia que Darwin comeu a bíblia....
Posted by Jafeth Ribeiro on Terça, 5 de maio de 2015
Com informação do Facebook e do jornal “O Dia” e foto do arquivo pessoal de Gabriela. 







Estudante ateu perdeu emprego e namorada por ter queimado Bíblia

Posts mais compartilhados na semana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...