segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Universidade Federal atropela Estado laico ao restaurar capela

Espaço "ecumênico" da UFPR é católico
A UFPR (Universidade Federal do Paraná) passou por cima do Estado laico ao restaurar a Capela Nossa Senhora do Carmo, anexa ao prédio da reitoria. Por ser federal, a universidade é sustentada por recursos de impostos pagos por brasileiros de todas as religiões, além dos descrentes. 

Pela Constituição, nenhuma instância de governo pode financiar obras de instituições religiosas. A universidade cujo campus fica em Curitiba não divulgou quanto gastou no restauro, feito em 2013 durante oito meses.

A capela deveria ter sido transformada em um espaço ecumênico para o uso de estudantes de todas as religiões, já que o local tem de ser preservado por ser um patrimônio histórico do Paraná. A capela existe desde 1958.

Na reinauguração da capela, no dia 8 de agosto, o reitor Zaki Akel Sobrinho disse ter expectativa de que a capela “acolha cada vez mais pessoas como um espaço ecumênico de reflexão e disseminação de fraternidade e da compreensão humana”.

Mas o que houve mesmo, naquele momento, com a celebração de uma missa, foi a disseminação da crença católica e a falta de compreensão para com a Constituição brasileira. Nenhum representante de outras religiões foi convidado para a inauguração do espaço "ecumênico" da universidade.

Com informação e foto da Assessoria de Comunicação Social da UFPR.





Escolas ignoram o Estado laico e adotam nomes religiosos
outubro de 2011


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...