Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

......................................................................................

quarta-feira, 18 de junho de 2014

População de céticos tende a cair porque têm poucos filhos

Geneticista afirma que população
de religiosos cresce mais rápido
O crescimento da população de ateus e agnósticos que vem ocorrendo nos últimos anos — principalmente na Europa — em relação aos cristãos tende a ser anulado porque os céticos têm menos filhos do que os religiosos. A afirmação é do geneticista britânico Steve Jones (na foto abaixo), que é ateu.

Por isso, para ele, poderá haver um ressurgimento do cristianismo impulsionado pelo declínio da população dos países céticos.

Jones afirmou que o fortalecimento do cristianismo poderá ocorrer nos países mais pobres, como os da África, onde o crescimento da população se encontra acima da média mundial. Disse que a história mostra que a religião cresce rapidamente nas regiões onde ocorre boom populacional.

Em contrapartida, argumentou Jones, em países onde é elevado o número de céticos o crescimento da população é lento. Observou que, nesse momento, o Reino Unido é o único país que está conseguindo substituir sua população de céticos sem haver declínio.

Jones: religião aumenta em
época de boom populacional
“Nós, ateus, por vezes nos felicitamos porque a incidência de crença religiosa está em baixa. Mas as pessoas religiosas têm mais filhos”, disse.

Para o geneticista, está claro que nos próximos anos as populações religiosas tendem a crescer e as de céticos a diminuir. Por isso é possível que nos próximos anos aumente a demanda por teólogos e caia a por cientistas, disse.

Em sua argumentação, o geneticista não levou em conta que, atualmente, os céticos (parte deles) são filhos de religiosos que resolveram rejeitar as divindades e abraçar a razão para pautar sua vida. E não há nada que indica que essa "reconversão" vá desaparecer no futuro.

Com informação do The Telegraph.





Países de ateus tendem a sumir por falta de filhos, diz estudo
março de 2011


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...