Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

sábado, 17 de agosto de 2013

Ateia Alinne afirma ter sido 'cafonice' mudança em seu nome

Alinne Moraes
Atriz  diz que ela é 
o seu próprio deus 
e crê nela própria 
Em 2001, após consultar um numerólogo, a Alinne Moraes acrescentou o “n” duplo no seu nome, para que a sua carreira de atriz se deslanchasse. Então com 19 anos, a moça já era modelo de sucesso, com participação em desfiles em Tóquio, Milão, Paris e Nova Iorque.

Hoje ela não mudaria seu nome. “Foi uma cafonice”, disse.

A carreira de atriz de Alinne alçou voo, mas, ela sabe, foi por seu próprio esforço, e não por causa da numerologia ou de quaisquer forças sobrenaturais.

A atriz se tornou cética. Em 2012, surpreendo seus fãs, ela se assumiu como ateia. “Eu sou o meu próprio deus”, disse.

Alinne Cristine Dorelli de Magalhães Moraes, seu no completo, nasceu no dia 22 de dezembro de 1982, na cidade paulista de Sorocaba, a 87 km da capital.

Entre outras novelas da Rede Globo, participou de “Coração de Estudante”, “Mulheres Apaixonadas”, “Da Cor do Pecado”, “Como Uma Onda”, “Bang Bang”, “Duas Caras” e “Viver a vida”.

Em uma entrevista de 2012, deixou claro que nunca foi religiosa, o que deve ter facilitado a sua tomada de consciência como ateia.

”Quando eu tinha menos de 20 anos, costumava responder que era muito nova para dizer no que acreditava”, disse. “Hoje, como eu não sou mais tão nova assim, sinto que devo me posicionar.”

“ As pessoas te cobram que você acredite em alguma coisa. Eu acredito em mim, tenho fé em mim. Eu sou meu próprio deus. Sou escrava da minha própria criação.”

Com informação de O Globo, entre outras fontes.





Camila Pitanga, ateia famosa

Ateus brasileiros famosos     Ateísmo
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...