Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

domingo, 7 de abril de 2013

Feliciano se beneficia com discussão rasa, diz Varella

Drauzio Varella
Para Varella, o pastor não
merece nenhuma projeção
O médico e escritor Drauzio Varella (foto) lamentou a projeção que o pastor-deputado Marco Feliciano (PSC-SP) vem tendo na imprensa, porque se trata de uma pessoa “absolutamente sem nenhuma expressão”.

“Ele [Feliciano] está todos os dias nas páginas dos jornais”, disse, referindo-se ao noticiário sobre as afirmações polêmicas do pastor-deputado e às pressões de ativistas para tirá-lo da presidência da Comissão dos Direitos Humanos e Minorias da Câmara.

Varella afirmou que Feliciano vai se beneficiar com isso porque nas próximas eleições conseguirá se eleger com muitos votos. “Vejo isso com a maior preocupação.”

Nesse sentido, disse, o próprio Feliciano tem estimulado a polêmica em torno dele, porque sabe que só tem a ganhar com isso.

Afirmou que, como Feliciano faz, é fácil chamar a atenção com afirmação de que os africanos são amaldiçoados e de que os homossexuais não têm comportamento natural, porque isso “ofende um grande número de pessoas”.

Para ele, a sociedade e a Comissão de Direitos Humanos e Minorias deveriam estar discutindo questões importantes, como o problema da população carcerária, e não temas “de superfície”.

Varella, que é autor de dois livros sobre o assunto —“Estação Carandiru” e “Carcereiros” —, argumentou que a questão não se restringe à situação dos presidiários, mas à segurança da sociedade.





Com informação do UOL.

Pregação antigay de pastor aos não fiéis é fascismo, diz Varella
fevereiro de 2013

Varella   Feliciano

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...