Bispo chileno afirma que Bíblia autoriza matar cães de rua

Bernardo Bastres
"Está em Gênesis: podemos nos desfazer
dos problemas criados pela natureza"
O bispo chileno Bernardo Bastres (foto) sugeriu que o problema do excesso de cachorros de rua pode ser resolvido com o extermínio deles.

“Deus criou todas as coisas e as colocou à disposição do ser humano, esse é um princípio do Gênese, tudo está ao nosso serviço, e, portanto, também podemos nos desfazer de problemas criados pela natureza”, escreveu ele em um artigo que foi publicado no jornal regional Hoy Por Hoy.

O bispo é de Punta Arenas, capital da província de Magallanes, no extremo sul do Chile. A cidade tem cerca de 12 mil cachorros, contra a média de 5,5 mil das demais províncias. Trata-se de “uma praga”, disse o bispo.

No artigo, Bastres informou que no sábado, dia 5, um homem de 73 anos tinha sido atacado por seis cachorros ao sair da igreja e que isso pode ocorrer de novo.

Ele argumentou que algumas cidades europeias têm autonomia para matar os cachorros de ruas quando se tornam um incômodo para a sociedade.



“O tema é delicado e não se trata de matar os cachorros por matar, porque isso sim seria considerado barbárie”, disse.”Mas também não podemos aceitar que neste momento nós tenhamos uma invasão desses cachorros, que parecem ter mais direitos que as pessoas”.

Chilenos promovem matança de cães após incentivo de bispo
janeiro de 2012

Cristão é cruel com bichos por não serem de Deus, diz teólogo
setembro de 2011

Comentários

  1. Se o idoso não estivesse batendo perna em locais nefastos feito igrejas, não teria sido atacado pelos cachorros!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não ...

      Teria sido atacado indo para alguma farmácia, delegacia ou ponto de ônibus ...

      Ah, por favor !!!

      Realmente, cachorros valem mais do que seres humanos nesse mundo !!!

      Excluir
    2. Sim, claro, padarias e lojas são mil vezes mais seguros né?
      Láááá em Nárnia talvez.

      Excluir
    3. Se ele estivesse num asilo ou recebendo algum acompanhamento em vez de ficar financiando igreja, ele não teria que ficar se expondo do jeito que fez.

      Além disso, se ele acreditam em religião, então ele deve estar conformado, afinal, acredita que o cachorro só o mordeu sob a permissão da entidade que ele denomina deus.

      Se em vez de frequentar igreja durante a vida, ele tivesse lutado pra construir uma sociedade mais organizada, nada disso teria acontecido!

      Ele apenas sofre a conseqüência da própria burrice, nada mais!

      Excluir
    4. O padreco deveria reclamar com deus, pois o fiel saiu da igreja sem a proteçao divina.
      Se um ateu tivesse sido atacado ele teria uma resposta pronta pra isso.

      Excluir
    5. A biblia também autoriza a você a matar o seu filho, se caso você não o achar "suficiente".. Não vejo ninguém com sanidade mental suficiente usando essa indicação. ¬¬

      Excluir
    6. ‎"" A BÍBLIA TAMBÉM AUTORIZA O APEDREJAMENTO DE FILHOS""

      Gutierrez Nan - "Se alguém tiver um filho rebelde e incorrigível, que não obedece ao pai e à mãe e não os ouve, nem quando o corrigem, o pai e a mãe o pegarão e o levarão aos anciãos da cidade para ser julgado. E dirão aos anciãos da cidade: ‘Este nosso filho é rebelde e incorrigível: não nos obedece, é devasso e beberrão’. E todos os homens da cidade o apedrejarão até que morra. Desse modo, você eliminará o mal do seu meio."

      Bíblia Sagrada (Dt 21:18-21)

      Excluir
    7. Nayane ! Do jeito que as coisas vão, felizmente, ainda não, mas o que impede a reedição de uma idade das trevas !Há muitos exemplos em que a história se repete, malgrado já se conhecer suas consequências! Apenas um : as guerras, santas ou não !

      Excluir
  2. O problema do excesso de imbecis pode ser resolvido com o extermínio deles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,o unico imbecil que deveria ser exterminado desta terra era você não passa de um indigente idiota.

      Excluir
    2. Paulo Silva Freire, que belo exemplo de "amor" cristão!

      Excluir
    3. Para acabar com os ímbecis basta apenas um pouco de educação científica.

      Excluir
    4. Que foi paulo.silvafreire?Apenas estava seguindo o exemplo dele.Afinal a humanidade criou os imbecis e a unica cura agora é extermina-los.Paulo,você é o proximo.

      Excluir
    5. kkkk Um faz uma analogia
      o outro nao entende nada, e o pega tá feito. Ó vida, ó céus!!

      Excluir
    6. Paulo Silva Freire, vc é um desses imbecis!
      Esses bispos devem ser extintos, são pessoas abomináveis, ladrões de primeira linha! Falam milhões de ladainhas e o povo acredita. Se esse senhor que saia dessa igreja foi atacado, tenho certeza que ele fez algo para os cães, provavelmente os agrediu! Não sei se vc sabe, mas cães não são como os humanos que matam, roubam e destroem a vida das pessoas!
      Cães foram criados pelo meu e pelo seu Deus! Eles valem muito mais do que vc, pois o coração deles é muito maior do que o coração de qualquer ser humano!
      Já fui em igrejas evangélicas e para não julgar mal, fiquei por 1 ano participando de cultos, e vi claramente o quanto os líderes como pastores e bispos de igrejas roubam os fiéis! Se quiser, procure no Youtube o vídeo que a Globo divulgou do Bispo Edir Macedo, e saberá do que estou falando!
      Abra sua mente para as coisas que acontecem na sua cara Paulo Silva Freire!

      Excluir
    7. É isso aí, anônimo... Falou tudo!
      Cães não atacam à toa! Provavelmente o
      tal senhor partiu para a agressão.
      Concordo com vc em gênero, número e grau!
      Beatriz Pacheco

      Excluir
  3. “tudo está ao nosso serviço, e, portanto, também podemos nos desfazer problemas criados pela natureza”

    Essa frase pode ser empregada para justificar muitas coisas, aliás, quem disse que já não o foi? Santa Inquisição e Cruzadas mandaram lembranças!

    ResponderExcluir
  4. Precisamos nos desfazer da religiao isso sim!

    Entidade perversa que apodrece tudo que toca!

    Nem os pobres animais, criaturas mais puras que o ser humano, estao seguras das garras da intolerância religiosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De pleno acordo. Mais valem os cachorros amigos do que os amigos cachorros da religião.

      Excluir
    2. Concordo plenamente! Cães são puros, valem mais que seres humanos! Se esses bispo maldito quisesse resolver o problema da multiplicação dos cães, ele faria uma campanha para castração e adoção... Essa solução que ele criou serve apenas pra ele e pra raça dele!!

      Excluir
    3. Concordo!Quanto mais conheço as pessoas,mais eu amo meus cachorros.

      Excluir
  5. _Esta é uma medida a ser tomada em função de um acontecimento; portanto..., uma forma de raciocínio das pessoas que estão diretamente envolvidas com esta questão!
    _Não vejo ligação alguma com a Bíblia, até porque as deduções e considerações finais dadas à proposta inicial, são conjecturas de quem as fez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. «Não vejo ligação alguma com a Bíblia…»

      É claro que não existe qualquer ligação, mas é o próprio representante da crença que faz referência ao “manual de intenções” para justificar o direito ao extermínio.

      Este tipo de situação existe devido á falta de controlo e vontade das autoridades locais porque nas cidades europeias a “erradicação” destas situações é praticamente uma realidade. Mas daí a promover uma matança…

      «“Deus criou todas as coisas […], portanto, também podemos nos desfazer dos problemas criados pela natureza”.»

      Se “Deus criou todas as coisas” porque razão os problemas serão da responsabilidade da “natureza” e não dessa mesma divindade?

      Se tudo é “obra” de um ser supremo porque razão os seus legítimos representantes não assumem a responsabilidade dessa mesma “obra” e em vez de templos megalómanos e inúteis porque não erguem canis que garantam o bem-estar desses mesmos cães? Responsabilizar os outros ou debitar inanidades é mais conveniente.

      Afirmar que somos o resultado da mistura do barro com o hálito divino, insistir na explicação das origens humanas através da mitologia, fábulas e contos da “idade média”, assim como autoproclamarem-se benevolentes e legítimos representantes da única verdade (sic) – ou será superstição –, é bem mais fácil do que contribuir para o engrandecimento e bem-estar da sociedade.


      Demo

      Excluir
    2. Se a Bíblia se propõe e se auto-declara como "manual de vida" das pessoas que nela acreditam, logo, tudo que os seus seguidores ou "pseudo-seguidores" foi baseado DIRETAMENTE nela [na Bíblia].

      Excluir
    3. Demo11 de janeiro de 2013 17:27

      _Pude ler seu comentário e fazer, a partir do mesmo, algumas considerações:
      "Se tudo é “obra” de um ser supremo porque razão os seus legítimos representantes não assumem a responsabilidade dessa mesma “obra”..."
      _Devo dizer que não discordo de você, totalmente! É bem verdade que os homens nem sempre assumem suas reais responsabilidades mas..., também é verdade que não devemos olhar as coisas pelos olhos de outras pessoas sem a devida compreensão do que estamos fazendo;
      O conceito de inutilidade, é algo muito pessoal e não pretendo entrar no mérito desta questão.

      "Se “Deus criou todas as coisas” porque razão os problemas serão da responsabilidade da “natureza” e não dessa mesma divindade?"
      _Me parece que não é possível, atribuir responsabilidades para seres inanimados: a natureza apenas reage quando as agressões são exageradas; quem as processa..., são os seres humanos(ditos racionais, conceito que diante de muitos fatos, é questionável).

      "Afirmar que somos o resultado da mistura do barro com o hálito divino,..."
      Penso que: se não tem espaço em si que seja capaz de, ao menos, considerar algo que para você é apenas uma hipótese, sandice ou algo do gênero..., isso só diz respeito a uma única pessoa: você!
      Se sente-se magoado por conta de algo que alguma pessoa possa ter feito e por isso pensa de maneira defensiva, lembre-se: as falhas para as quais está olhando e que fazem você..., contrariado, não causam no outro, o menor efeito: o desgaste e a perda de um tempo precioso, são seus!
      _Até mais!


      Excluir
    4. Salamandra

      Seus comentários são interessantes mas, pela forma como estão dispostos, incompletos.

      «… também é verdade que não devemos olhar as coisas pelos olhos de outras pessoas sem a devida compreensão do que estamos fazendo;»

      A crença em verdades sagradas através do testemunho alheio, não será sinónimo de: “olhar (…) sem a devida compreensão do que estamos fazendo?”
      Eu acredito que sim e, como você diz, e diz bem, é da “inutilidade” humana que surge a crença injustificada. Um conceito muito pessoal que se teima em não rejeitar.

      «… quem as processa..., são os seres humanos (ditos racionais, conceito que diante de muitos fatos, é questionável).»

      Apesar de discutível também acredito que a crença em divindades, superstições e ideias abstractas como justificação de algo, na ausência de uma explicação natural, é pouco ou nada racional.

      «… se não tem espaço em si que seja capaz de, ao menos, considerar algo que para você é apenas uma hipótese… »

      Efectivamente não sou crente e não me incomoda que os outros acreditem em divindades, superstições ou ideias abstractas, o que efectivamente me incomoda é a desonestidade de fazer passar por conhecimento aquilo que é apenas crença sem justificação.

      «Se sente-se magoado por conta de algo que alguma pessoa possa ter feito e por isso pensa de maneira defensiva,… »

      Ao contrário de muitos que aqui comentam, com ideias semelhantes, eu acredito que a religião não será derrotada pelo ateísmo, pelo secularismo ou pelo humanismo. Não será certamente por um “ísmo”, mas sim pela “independência da mente”. E é esse o caminho que procuro.

      Disponha

      Excluir
    5. Demo13 de janeiro de 2013 10:40

      _Penso que antes de mais nada, é preciso ter em mente que o testemunho deva ser de cada um e não um espelho do que acontece na vida do outro para o qual eu deva, sempre, estar focado(a)! O que estou querendo dizer é que não é inteligente esperar que as pessoas sejam maravilhosas e que todas sejam cumpridoras de suas atribuições..., isso é utopia!
      _Eu não emiti conceito algum acerca da inutilidade: apenas escrevi que é algo muito pessoal e que não entraria nesse mérito!
      _O fato de ser questionável(comportamento dito racional), não está ligado na minha fala, às crenças, às superstições! Me aponte onde foi que escrevi sobre isso e talvez, possa esmiuçar! _Refiro-me às práticas de vida, adotadas pelas pessoas!
      _Existem coisas que não fazem parte da esfera de conhecimentos de todos; imagino que não seja porque alguém está em uma esfera diferente, não haja justificação para o tipo de conhecimento que o outro, possui.
      _Sua procura pode ter um fim mais rápido do que possa imaginar!
      _Aí, eu volto à questão anteriormente falada: a questão de olhar/enxergar através dos olhos de outras pessoas!
      _Por fim, posso resumir tudo isso em uma frase:
      "Onde há o Espírito de Deus, aí há liberdade"!
      _Tem certeza de que meus comentários são incompletos? Ou você não soube pensá-los de maneira a que se tornassem completos?

      Excluir
    6. Salamandra

      Os seus comentários são efectivamente incompletos porque, apesar de reflectirem seu pensamento, esse sim, completo, são constituídos por premissas que pressupõem a dúvida, levando dessa forma a interpretações enviesadas.
      Mas por muito que você evite, por muito que omita, a essência da sua intimidade está lá.

      « _Por fim, posso resumir tudo isso em uma frase:
      "Onde há o Espírito de Deus, aí há liberdade"!»


      Como escrevi anteriormente, as crenças dos outros não me incomodam e, desde que os limites da minha liberdade não sejam postos em causa, não tenho qualquer dificuldade em escutar os conceitos e preconceitos alheios.

      Em minha opinião – penso que por raciocínio lógico –, a religião tem raiz biológica e emana do interior do homem pela sua experiência ao longo de milhares de anos. A partir daqui, e estabelecidas as fronteiras, a doutrina é tolerável porque a história está distante.

      Defino “o bem” como uma luta constante, um objectivo permanente, o destino essencial do ser humano. Se o crente define isto como “Deus”, a mim não me incomoda, apenas me surpreende a dificuldade desse mesmo crente em assumi-lo sem relacionar como acto de fé.

      «_Sua procura pode ter um fim mais rápido do que possa imaginar!»

      A autêntica liberdade do ser humano é permanecer não contaminado por superstições e crenças injustificadas que deformam a percepção da realidade.


      «_O fato de ser questionável (comportamento dito racional), (…)
      _Refiro-me às práticas de vida, adoptadas pelas pessoas!»


      O comportamento humano é na realidade surpreendente e todo ele é o resultado de uma quantidade enorme de factores. Considerá-lo questionável quanto ao comportamento dito racional depende dos conceitos, preconceitos e valores morais e éticos que adoptamos.

      Os comportamentos agressivos e violentos que apenas promovem a ignorância podem ser também o resultado da formação do individuo e/ou do contexto espácio-temporal em que tomam lugar.

      Disponha

      Excluir
    7. _Não tenho a pretensão de induzi-lo a nada: apenas estamos falando acerca de nossos pontos de vista, acerca do que está mais presente na esfera de vida de cada um!_Contudo, não posso deixar de observar a presença de inflexibilidade, na fala!
      _Onde foi que escrevi a respeito de religião A,B ou C? Me mostre!
      _Por fim, não tenho a menor intenção de evitar, ou omitir nada que fale acerca das convicções que trago! _Onde foi que leu isso? _O que te fez chegar a esta conclusão?
      _Em todo o caso..., valeu pela conversa!
      _Penso que a concordância, não é condição para o exercício da cordialidade.

      Excluir
  6. Francisco de Assis, se a lenda for verdadeira, teria surtado com esse cabra aí. Infeliz esse bispo, hein?

    ResponderExcluir
  7. Que mania de diversos religiosos acharem que são o centro do universo,tudo é feito especialmente para a suas necessidades e que só sua existência tem um proposito maior,que o planeta todo está aqui só para o deleite do ser humano...Ah faça mil favores bispo!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas a religião dele diz exatamente que eles são sim o centro do universo e que tudo no universo existe em propósito deles, o "povo escolhido". Elementar, meu caro!

      Excluir
    2. A religião faz as pessoas alcançarem o nivel máximo do cúmulo do egoismo.

      Excluir
  8. Auhahuauhauhuha, por Goku xDDDD. Sério gente, a bíblia diz o que você quiser xD. Olhar o contexto é tão ruim quanto tomá-la literalmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, a Bíblia é completamente abominável independente da forma como alguém possa interpretá-la.

      Excluir
  9. Não vejo nenhuma incoerência nas palavras do bispo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não entendo porque tanto alarde. Cachorros de rua são nocivos aos cidadãos, pois podem atacá-los e favorecem a disseminação de doenças. Na verdade, em qualquer cidade média todos os cachorros de rua deveriam ser exterminados.

      O que o bispo fez foi apenas dizer que não há impeditivos morais para a morte do excesso de cães quando há uma razão justa. Mas aparentemente o bispo é desumano, os humanitários são os que defendem que os cachorros continuem a se multiplicar pelas ruas propagando toda sorte de desordem, sujeira e doenças.

      Excluir
    2. Sim, é perfeitamente coerente com aquilo que ele professa acreditar.

      Excluir
    3. E os mendigos, também devem ser exterminados? E de onde vieram os cachorros? Não deveríamos exterminar esses cães domésticos que ficam procriando e gerando mais cães onde já se tem muitos?

      Excluir
    4. Não podemos exterminar mendigos pois são seres humanos. No Brasil vagabundagem é crime, então, em tese, qualquer mendigo pode ir em cana a qualquer momento, o que os tiraria das ruas.

      A comparação com cães domésticos é tão inapropriada que não merece nem resposta. De qualquer forma, em minha cidade estava havendo um surto de leishmaniose, e o poder público estava coletando sangue dos cachorros com dono em busca de animais infectados, que seriam recolhidos e sacrificados, para evitar uma epidemia. Embora uma ação dolorosa para os donos, foi algo necessário, justo e razoável.

      Excluir
    5. Ignorantes!!!Os cães naum escolheraum morar na rua!!!Foraum abandonados por babacas que acham que agora podem matar se existem muitos cães a culpa é da porcaria dos "seres humanos"!!!acha que Deus gostaria disso?!

      Excluir
    6. Para a pessoa que escreveu: "...os humanitários são os que defendem que os cachorros continuem a se multiplicar pelas ruas propagando toda sorte de desordem, sujeira e doenças."

      Os humanitários não defendem a multiplicação de cães pelas ruas, defendem a castração e as campanhas de adoção que são medidas que evitam a multiplicação dos cães, e faz com que, talvez, os cães de rua que não escolheram morar na rua tenham uma chance de ter um lar. Se vc concorda com o bispo e acha que cães são pragas ou um problema da natureza, saiba que humanos como vc, jogam cães todos os dias na rua, e faz com que eles se multipliquem... ou seja, os culpados somos nós seres humanos que ao invés de ajudar, só destruímos!!
      Faça algo bom na sua vida, ajude protetores altômonos ou ONGs nas campanhas de castração, e verá que pessoas de bom coração estão tentando ajudar tanto humanos quanto os cães nessa causa!!

      Excluir
    7. "Os humanitários não defendem a multiplicação de cães pelas ruas, defendem a castração e as campanhas de adoção que são medidas que evitam a multiplicação dos cães..."

      Esse é o melhor a ser feito, mas no caso do Chile parece que por negligência a quantidade de cachorros atingiu um número excessivo, de forma que o extermínio é a única solução viável para o momento.

      Excluir
    8. Pappa Will anda carente de atenção, jogando one-liners espantalhos para causar comentários.

      Excluir
  10. Respostas
    1. Não, ele apenas está sendo cristão.

      Excluir
    2. ou seja, mesma coisa.

      Excluir
  11. mais um idiota para engrossar o caldo da estupidez e imbecilidade religiosa.




    religião é coisa perigosa, muito perigosa.

    ResponderExcluir
  12. Esquece-se que nós somos responsáveis pela existência dos cachorros de rua. Mesmo pq nós criamos as ruas, as casas, as cidades, enquanto destruíamos o habitat de diversas espécies de animais. Nós destruímos a sua fonte de alimento, de água e agora somos TOTALMENTE responsáveis pelos cuidados e pela sobrevivência destes animais, os quais não tem culpa alguma da maneira como agimos.

    Aí vem um bispo qualquer, de uma religião qualquer, com um livro qualquer na mão q diz q o mundo é o nosso quintal pra gente fazer o q bem entender dele? Q vá trabalhar e produzir algo de útil pra sociedade ao invés de espalhar ideias idiotas.

    "Eles vieram com uma bíblia e a sua religião - roubaram nossas terras, esmagaram nossos espíritos...e agora nos dizem que devemos ser agradecidos ao Senhor por sermos salvos" - Chefe Pontiac

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é um bispo qualquer, é um bispo cristão.
      Não é uma religião qualquer, é o cristianismo, a religião da maioria.
      Não e um livro qualquer, é a Bíblia, o manual de vida dos cristãos.
      Não é o mundo o nosso quintal, mas apenas o quintal dos "escolhidos", ou seja, dos religiosos que assim se proclamaram e asseguram que o restante ande debaixo de suas vontades.

      Excluir
    2. falácia do escoces mandou lembranças tragam sam houser pra um concerto de gaitas de fole.

      Excluir
    3. Ryoko, você também bebe?

      Excluir
  13. 12.000 cachorros, a tal província tem cerca de 120.000 habitantes.

    Se fizessem uma campanha pela esterilização destes animais, proibição de venda de cachorros e uma campanha pela adoção, em cerca de 5 anos o problema estaria sanado.

    Aliás, eu acho que tem humanos demais nesta província superpovoada, a bíblia autoriza o extermínio deste problema criado pela natureza também?

    ResponderExcluir
  14. Não estou impressionado com isso a bíblia é um livro machista ,homofóbico, permite a escravidão e é preconceituosa com os não cristãos.Não sei porque alguém a defendi, um bom exemplo de machismo da bíblia:Eclesiástico 42, 14: É melhor a maldade do homem do que a bondade da mulher: a mulher cobre de vergonha e chega a expor ao insulto.
    Como dá para ver isso tá bem claro e tem gente vem me dizer que eu interpretei errado ,dá pra acreditar!!

    ResponderExcluir
  15. cachorro é coisa de Deus... bispo comedor de criancinhas?... aí ja é o demonio

    ResponderExcluir
  16. Primeiro, justificativas bíblicas para exterminar os cães, depois, os gay e ateus. Podem escrever isto que acabei de dizer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já está escrito, pois já aconteceu (vide Santa Inquisição).

      Excluir
  17. Ai vem a diferença entre o racional e irracional, sabemos que a superpopulação de cães é devido a donos irresponsáveis associado a uma falta de gestão pública, se os donos esterilizassem seus cães e as prefeituras oferecesse serviços de castração gratuita, isso é muito mais barato que manter um canil, além de ser moralmente correto, canil é uma maneira medieval de torturar animais e não resolve absolutamente nada.

    O ponto é ele por acreditar em um livro que tem uma cobra falante formas os mais absurdos conceitos, sem nenhuma argumentação embasada em estudos científicos ou pelo menos estatístico, e diz a seu rebanho essa atrocidades, mas como a maioria não gosta de pensar, prefere seguir uma ideia já pronta, aceita toda besteira que este ligada com deus(es), enfim, quanta falta de conhecimento, empatia, compaixão, respeito e bom senso!

    ResponderExcluir
  18. Só porque um bispo, ou qualquer outra pessoa, diz que está na Bíblia não quer dizer necessariamente que o dito seja verídico e neste caso é bem ao contrário. Inclusive, no livro de Gênesis está bem claro que os animais não devem ser mortos nem para a alimentação - Gn 9:24 "Mas não comam carne com sangue, que é vida. A todo aquele que derramar sangue, tanto homem como ANIMAL, pedirei contas; a cada um pedirei contas da vida do seu próximo." E fica beeem claro que Deus considera o animal como "próximo" visto que o cita anteriormente em termo de igualdade. Leiam a coisa a ser criticada - independente do que seja - antes de o fazer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ri muito da sua "interpretação" bíblica.
      Provavelmente, és uma vegetariana cristã tentando, como todo cristão, embasar seu estilo de vida e suas ideologias particulares em um livro "sagrado".

      Qualquer criança (lógico, são todas doutrinadas desde cedo) conhece a fábula bíblica de Caim e Abel, onde Caim mata Abel por ciúmes após deus ter escolhido a oferenda de CARNE E SANGUE, e não de vegetais. Só aqui, sua "interpretação" esdrúxula já cai por terra.

      =)

      Excluir
  19. Embora concorde que a qualidade da vida humana venha antes dos direitos dos animais, e superpopulação canina é realmente um problema de saúde (inclusive assim considerado pela organização mundial de saúde), esse tipo de pensamento que “Deus criou todas as coisas e as colocou à disposição do ser humano, esse é um princípio do Gênese, tudo está ao nosso serviço, e, portanto, também podemos nos desfazer problemas criados pela natureza”,na verdade não é exclusivamente do bispo católico, e já o encontrei firmemente arraigado prinipalmente nos evangélicos. Ele explica em muito o DESPREZO que os crentes tem pelas questões ecológicas. Uma vez que o mundo é nosso e um dia vai chegar o tal juízo final, para que preservá-lo? Afinal, Deus tudo pode, e num milagre resolverá a poluição se preciso para que as futuras gerações possam morar nele. No livro "Retalhos", o escritor Craig Thompson relata sua infancia numa comunidade evangélica do meio-oeste americano, e esse tipo de pensamento também está muito presente. Na minha cidade o prefeito é evangélico, e o desprezo pelas questões ambientais parte tanto do prefeito quanto dos seus eleitores. Triste.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é triste mesmo, eu odeio essa mania tão comum nos religiosos de se acharem os donos do mundo.

      Excluir
    2. Falou o homofóbico tentando dissociar o CRISTIANISMO de Católicos e de Evangélicos, como se fossem bem distintos, especialmente em relação à Bíblia. Francamente...

      Excluir
  20. Clarissa

    « […] A todo aquele que derramar sangue, tanto homem como ANIMAL, pedirei contas; a cada um pedirei contas da vida do seu próximo." »

    Não é bem assim.
    A interpretação da “Bíblia” é feita de conveniências porque ela é um “manual de contradições”. Em ( Deuteronômio 13:6-10 ) não encontramos benevolência. Pelo contrário.

    Demo

    ResponderExcluir
  21. O bispo que fique na sua. O assunto é de saúde pública não de igreja

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para os religiosos, TODOS os assuntos são "de igreja", inclusive o que você pensa e com quem (e como) vai pra cama. Não existe assunto que não seja "de igreja" pra essa gente.

      A parcela dos religiosos que diz haver separação entre assuntos (geralmente usam o jargão "dai a César o que é de César e a deus...") na verdade estão traindo os princípios e sua religião, que é totalitária em essência!

      Excluir
  22. Se os cãezinhos soubessem orar e - principalmente - ofertassem o dízimo, o bispo teria uma opinião muito diferente, assim como acharia outra justificativa na (gi)Bíblia para endossá-la.

    Ruggero

    ResponderExcluir
  23. Rs Manda os ateus levarem os cachorros pra casa... Faça-me favor... Manda fazer sabão desses cachorros.. ou então linguiça. kkk É só algum religioso defender uma coisa que os ateus são contra. Se o bispo tivesse defendido os cachorros eles estariam detonando tb,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Provocação pobre e infantil. Tente denovo crentalhão paspalho.

      Excluir
    2. Olha o amor cristão ai, mandando mata os pobres cachorros e ainda falando uma besteira imensa, ninguém ta detonando o cara por ser bispo e sim pelo que ele disse, seria assim se fosse qualquer um, cristãos cada dia mais patéticos.

      Excluir
    3. Já levaram? Outro dia defenderam as vacas, Amanha serão os alface e E se não for bom pra eles, apelam para o amor cristão que não acreditam, mas que tem que fazer os crsitãos bonzinhos e aceitarem tudo... Crentes X Ateus todos querendo PROVAR a verdade...

      Excluir
  24. “Deus criou todas as coisas e as colocou à disposição do ser humano, esse é um princípio do Gênese, tudo está ao nosso serviço, e, portanto, também podemos nos desfazer problemas criados pela natureza”, escreveu ele em um artigo que foi publicado no jornal regional Hoy Por Hoy.

    E deus também não fez a natureza? Claro que fez! Mas o problema é que o cristianismo católico, e seu rebento protestante, acabaram por demonizá-la. Aliás, demônio também é outro conceito deturpado, adulterado, corrompido pelo cristianismo, uma vez que vem da palavra 'daimon', que era simplesmente uma espécie de guia, espírito conselheiro, anjo da guarda para os antigos gregos. O cristianismo não só criou os conceitos de inferno e diabo (demônio, satanás), como também corrompeu muitos conceitos para se beneficiar ao atormentar as mentes ignorantes e/ou ingênuas.

    Os antigos hebreus,em suas origens, não eram patriarcais, e sim praticavam uma religião tolerante que acolhia a mulher em condições de igualdade com os homens. Depois do contato com outras religiões é que os hebreus passaram a ser patriarcais; isso porque algumas religiões (ou melhor, algumas correntes dessas religiões) com que tiveram contato interpretavam o mito do Jardim do Éden literalmente e colocavam a culpa na mulher. Mesmo assim, os antigos hebreus, bem como os modernos (também chamados de judeus ou israelitas), jamais virão o ser supremo como sendo patriarcal, masculino, macho. Na religião judaica, o ser supremo, chamado de HaShem (O NOme), e por Ain Soph Aur (Luz Infinita) na tradição esotérica judaica, não tem nome, cor, sexo, peso, dimensão, nem nada que o defina.

    Mas o cristianismo perverteu isso, e fez com que deus seja visto pelos cristãos como sendo uma entidade em forma humana em algum céu. Pior, de acordo com O Evangelho Segundo João, o Verbo é desde o início, e estava com deus, e é deus, ou seja, Jesus é o próprio deus. Daí que deus, no cristianismo, é masculino, macho, patriarcal, o próprio Jesus. Sendo assim, a Natureza, que em tempos antigos era reverenciada como o lado, essência ou princípio feminino do ser supremo em praticamente todas as religiões, acabou sendo também demonizada pelo cristianismo. Isto é, todas as religiões que reverenciavam a Natureza foram consideradas pagãs.

    Para quem não sabe, Ruach HaKodesh (Respiração Divina/Santa ou Força Divina/Santa/Separada) é um princípio feminino no judaísmo, mas no cristianismo tal princípio foi corrompido mais uma vez e transformado no Espírito Santo, que também é masculino. Resumindo: a Trindade é totalmente masculina, e o cristianismo é uma religião voltada aos homens; daí o cristianismo ter alterado documentos a ponto de ter transformado Jesus no próprio deus.

    Natura naturans, ou seja, a Natureza gera, faz crescer, faz procriar, faz as espécies evoluírem. Natura é uma palavra latina equivalente a Physica dos gregos. E o que é a Física nos tempos modernos senão o estudo das leis que governam a Natureza? A Natureza é a matriz/matrix do mundo real, deste mundo; é dela que nossos corpos vêem e para ela que retornaremos como pó; é ela que nos dá o alimento e também de beber; é ela que nos acolhe em sua casa (Terra).

    A matéria como a conhecemos não existe, pois não passa de luz condensada. Em níveis subatômicos tudo não passa de energia vibrando. Os diferentes níveis de vibração é que transformam a luz/energias em diferentes formas de átomos, que irão constituir toda a Natureza. Logo, tudo é uma única coisa, tudo vem da luz, e a luz é constituída ainda por partículas menores que o ser humano ainda não pôde ou pode compreender. Portanto, a Natureza (e tudo que faz parte dela) é apenas mais uma dimensão dessa luz/energias. A física prova que existem 11 dimensões, e esse mundo (a realidade) é apenas a junção delas. Vemos apenas uma parte do que é realmente a realidade/verdade.

    ResponderExcluir
  25. (Continuação)

    A matéria como a conhecemos não existe, pois não passa de luz condensada. Em níveis subatômicos tudo não passa de energia vibrando. Os diferentes níveis de vibração é que transformam a luz/energias em diferentes formas de átomos, que irão constituir toda a Natureza. Logo, tudo é uma única coisa, tudo vem da luz, e a luz é constituída ainda por partículas menores que o ser humano ainda não pôde ou pode compreender. Portanto, a Natureza (e tudo que faz parte dela) é apenas mais uma dimensão dessa luz/energias. A física prova que existem 11 dimensões, e esse mundo (a realidade) é apenas a junção delas. Vemos apenas uma parte do que é realmente a realidade/verdade.

    Em outras palavras: o Universo/mundo é holístico, onde a matéria é apenas uma ilusão. Colocar a Natureza como culpada por quaisquer coisa é também culpar o ser supremo. Bom, dizer ser supremo é falho, uma vez que não se trata de um ser na acepção da palavra, e sim de 'pura consciência'. O Universo/Mundo é holístico por ser 'pura consciência', e a Natureza que tudo gera, alimenta, faz crescer, faz reproduzir, e também faz evoluir é a prova de que há uma inteligência agindo em todo lugar. Senão como poderia um certo tipo de peixe do mar possuir uma extensão de sua barbatana que funciona como vara de pescar? Melhor: usa como isca um falso peixe, que balança até fisgar suas vítimas. Se não uma inteligência, o quê? O acaso? O acaso não gera, não faz crescer, não alimenta, não faz evoluir simplesmente porque o acaso não poderia gerar tão grande quantidade de dados, ou seja, informação. Sim, tudo é informação, e por isso o Universo/Mundo é como um grande computador quântico holístico. Quer alguns gostem ou não! Sim, a realidade somos nós que fazemos com nossas mentes, e a realidade terrena é a soma de todas as nossas mentes: do passado, do presente, do futuro. Já dizia Eckart: 'O olho com que vejo deus, é o olho com que deus me olha'. Lembrando mais uma vez que esse 'deus' aí é luz/energias/dimensões que o ser humano ainda sequer pode imaginar. A física prova hoje que existem dimensões e formas de energias sutis, como a própria energia escura. Vale lembrar que aí está claro que tudo é informação, e que 'Nada se cria, mas tudo se transforma'. Se tudo é informação, então todas as informações existentes no Terra, inclusive tudo que pensamos, jamais irá se perder, acabar, ter um fim. Todas as informações permanecem, se transformam, se recriam, evoluem, se desdobram.

    Tudo é Um, já dizia muitas tradições; bem como 'Assim como é acima, é abaixo'.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahã, quando foi que houve prova? Porque a Teoria da Cordas, das Supercordas e/ou a Teoria M são hipóteses, não foram comprovadas. Discute-se até mesmo se será possível obter provas, dada a natureza e as limitações humanas.
      Ciência é coisa séria, não adianta tentar usar jargão científico para emprestar respeitabilidade a uma bobajada holística sem nexo.

      Excluir
    2. Esse aí deve acender incenso e usar cristais

      Excluir
    3. Parte 1


      Lúcia 14 de janeiro de 2013 20:25 e Anônimo 15 de janeiro de 2013 13:30


      Concordo plenamente! Ciência é algo tão sério que muitos cientistas realmente concordam com o que eu explanei. Se você não sabe, Lúcia, todas as teorias hoje admitidas pela ciência e tidas como verdadeiras foram um dia postas em dúvida, tidas até por alguns como falsas e combatidas. Recomendo a você estudar mais, bem como ao anônimo aí, uma vez que a matemática, física, e demais ciências funcionam hoje em dia e nos dão maravilhas apesar de terem em seu em suas constituições cálculos, teorias, divagações que ainda não foram provadas. Procure pesquisar sobre isso e verá que é realmente assim que as ciências funcionam. Também quero lhes lembrar que muitos cientistas bebem nas escolas de mistérios, como a cabalá, o taoísmo, hinduísmo, etc., para fazerem suas descobertas e muitos admitem isso sem quaisquer problemas. Dito de outra forma: quando você diz tão secamente que ciência é coisa séria e blá-blá-blá e não quer deixar espaço para uma corrente de cientistas que praticam o misticismo e realmente concordam que tudo que existe no Universo é puramente informação ou dados (matemática), então está usando de falácia porque quer se fundamentar apenas nos dizeres de gurus tipo Richard Dawkins (considerado o papa do ateísmo) para então validar seus argumentos. Não é assim que funciona! Você não pode dizer que algo não é possível (embora os fatos e as evidências estejam aí , uma vez que tudo é realmente informação: o DNA, a própria luz, o átomos, as leis da física, etc.) só porque ainda não se pode demonstrar, e, como eu já disse, muitas das teorias atuais das ciências as fazem funcionar embora ainda não tenham sido provadas. Mais uma vez: procure pesquisar sobre isso. É bom lembrar que séculos atrás alguns cientistas foram mortos porque começaram a aventar a hipótese de se enviar mensagens através de ondas, bem como seria possível a construção de aparelhos para captar imagens, etc. Tais cientistas foram mortos devido ao medo causado pela ignorância da população, que acreditava tratar-se de bruxaria, feitiçaria, maldição; ou pelo cristianismo e suas inquisições e perseguições generalizadas. Mas hoje temos maravilhas feitas com tais tecnologias.


      Bom, como dá para notar, enfrentar os fundamentalistas de religiões (cristãos, islâmicos, e algumas outras mais) não é fácil, mas também enfrentar algumas pessoas que se dizem ateus também não porque também acreditam em suas crenças ferrenhamente, ou seja, querem negar quaisquer evidências de uma inteligência (ou chame-a do que quiser) agindo no Universo. As evidências na Terra falam por si só. A evolução das espécies na Terra é a prova de que há uma inteligência agindo, mesmo que, por ventura, essa inteligência não dê a mínima para o ser humano como querem algumas religiões. Você e outros podem negar esse deus pessoal de que falam a maioria das religiões, mas não podem negar esse princípio inteligente que faz o Universo funcionar, bem como a vida evoluir. Respeito sua crença, e compreendo que a defenda tão ferrenhamente. Mas, agindo dessa forma, vocês se igualam aos radicais religiosos.


      Excluir
    4. Parte 2


      Lúcia 14 de janeiro de 2013 20:25 e Anônimo 15 de janeiro de 2013 13:30


      Da mesma forma que séculos atrás era impossível ao ser humano provar a existência de ondas sonoras e invisíveis da luz, de micróbios, e tantas outras coisas que hoje sabemos existir; hoje é impossível ao ser humano provar que existem determinadas ondas ainda sutis e não conhecidas, bem como muitas outras coisas. Contudo, como no passado longínquo as evidências apontavam para a 'verdade' (e hoje sabemos que tais coisas existem), as evidências de muitas coisas hoje tidas como 'teorias' apontam para essa única verdade: que tudo é informação.

      Bom, como eu disse, o que eu expus vai de encontro não apenas a muitas religiões e, devido a isso, posso conseguir muito confronto com radicais das mesmas. Mas também vai de encontro ao que prega o ateísmo e suas crenças, e também posso conseguir problemas com alguns de vocês. Mas esse não é absolutamente meu objetivo, minha intenção! Minha intenção é tão somente colocar em evidência o ponto de vista de muitos cientistas hoje em dia. Tão-somente isso!


      Ah, quase ía esquecendo! Incenso e cristais trazem bons efeitos psicológicos para que os sabe usar. Bem como quaisquer fragrâncias, uma vez que estimula áreas do cérebro responsáveis pelo bem-estar. O contrário pode ser dito em relação ao mau odor! Quanto aos cristais, é sabido que os mesmos produzem energia piezoéletrica quando pressionados (e são usados hoje em dia em muitos instrumentos e aparelhos), e, por isso, podem equilibrar ambientes e o corpo humano. Vocês acreditam na acupuntura? E que acham da rabdomancia? Bom, só para citar esses dois fenômenos. Abraços!

      Excluir
    5. Lúcia 14 de janeiro de 2013 20:25 e Anônimo 15 de janeiro de 2013 13:30

      Esqueci de mencionar um pequeno detalhe! Bom, talvez vocês já saibam disso. De qualquer forma, eis uma informação bem pertinente: muitos ateus e agnósticos frequentam escolas de misticismo, também chamadas de escolas de mistério. E olha que não são poucos! Procurem se informar sobre ateus que frequentam a Rosa-Cruz, por exemplo! Vocês podem negar um deus pessoal, e isso eu também nego, mas não podem negar o fato de que tudo é constituído por energia ou luz condensada, e que tudo é informação. Podem até dizer que a totalidade dessas informações no Universo não está nem aí para o ser humano, mas não podem negar que o bom uso pelo ser humano dessas energias trás bem-estar,harmonia, paz e pode influenciar ambientes. Se não fosse assim, por que tantos ateus frequentam a Rosa-Cruz e outras escolas de mistério? Bom, mas cabe a cada um decidir o que é melhor para si, e se vocês negam tudo isso e, ainda assim, procuram a paz com o próximo...tá valendo!

      Abraços!

      Excluir
  26. Que idiota esse bispo. Não sabe nem interpretar a Bíblia... Desde qdo animais são coisas??? E pelo que eu me lembre, qdo Deus entregou as tábuas dos dez mandamentos a Moisés, estava escrito em um deles o seguinte mandamento: - NÃO MATARÁS (não se referindo apenas aos homens mas a tudo que vive)!!! Chega de gente ignorante e imbecil!!

    ResponderExcluir
  27. Mais vale ler a Bíblia e entende-la, do que ter anos de teologia e não entender nada. Caro bispo, se da sua bíblia foi arrancada a pagina desse versículo, com prazer, lhe ofereço: Provérbios 12:10
    10 - O justo tem consideração pela vida dos seus animais, mas as afeições dos ímpios são cruéis.....entendeu? ou precisa desenhar???

    ResponderExcluir
  28. É por essas e outras que a bíblia não serve nem de papel-higiêncico.

    Att.,

    Espancador de Pastores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. poderia digitar mil palavras aqui, mas essas pouca bastam. Provérbios 15:2 A língua dos sábios adorna a sabedoria, mas a boca dos tolos derrama a estultícia. E foi o que mais li por aqui, estultícias, e mais estultícias, mas, cada um tem o livre arbítrio de se expressar como bem lhe convier, pois assim o fazendo, fala de sua própria índole, de seu próprio caráter, expressa de tudo aquilo e seu coração etã cheio.

      Excluir
    2. Hummm.

      Xilique. Típico. ;)

      Att.,

      Espancador de Pastores

      Excluir
  29. _Do que está falando?
    _Se a tua visão é tacanha, grosseira e preconceituosa..., fique com ela; procure não disseminá-la! O problema é que não há entendimento mas..., sobra veneno!
    _Você está falando por puro desgosto por algo que alguém te fez..., é só isso!
    _Essa foi para você: espancador de si mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também te amo, xuxu. :)

      Att.,

      Espancador de Pastores

      Excluir
  30. não vos enganeis, daquilo que semeardes, daquilo, colherás, a toda ação existirá uma reação......

    ResponderExcluir
  31. Comecemos por ele..
    Não devemos acreditar em tudo o que lemos...
    Pq foram escritos por pessoas comuns como nós e inspirações nem sempre são divinas, traduções nem sempre são corretas.
    O maior problema criado na natureza foi o ser humano.
    Esse bispo é uma vergonha para o Cristianismo... Com toda a certeza ele não é Cristão. É apenas católico e vive para a instituição que só ama o poder e o luxo. A igreja deveria se envergonhar do seu luxo e doar tudo para os miseráveis na África que ela ajudou a escravizar.

    ResponderExcluir
  32. FIQUEI TÃO INDIGNADA, MAS QUANDO LI OS COMENTÁRIOS, MUITOS JÁ DISSERAM MUITO POR MIM.
    A MÃE DESSE IMBECIL DEVIA TER SE DESFEITO DELE ANTES DE VIR AO MUNDO. ASSIM NÃO TERÍAMOS HOJE QUE LER ESSA IDIOTICE, CRUELDADE E TOTAL FALTA DE DEUS.
    O INTERESSE DELE É SE TORNAR CONHECIDO PARA ROUBAR MAIS UM POUQUINHO DOS MENOS ESCLARECIDOS....RSRSRS

    ResponderExcluir
  33. Quando Deus autorizou ao homem à " desfazer da natureza ",como autor desta blasfêmia citou em gênesis.Deus se referia à bestas-feras que fossem perigosas,como escorpiões,cobras,ratos e etc.Qunado animais se tornassem perigosos para o ser humano.
    Dependendo do tipo de cachorros,é sim melhor matar ou prender.Cachorros como pitbulls por exemplo,são perigosos.Eu já vi muitos documentários de pitbulls atacando crianças na rua,estes não podem ficar soltos na rua,pois ofererem perigo às pessoas.
    Ratos também,são uma das piores pragas da humanidade,causaram milhares de mortes e problemas de saúde à pessoas.
    Creio eu que esse bispo chileno falou aquilo em um momento de revolta,pelo o que aconteceu ao idoso.
    E quanto ao idoso,aquilo poderia tê-lo acontecido em qualquer lugar,farmácias,delegacias,shoppings e etc.
    Não devemos julgar uma " nação " inteira pelo erro de um homem.

    ResponderExcluir
  34. quero que ele me diga onde esta na biblia,a parte em que podemos exterminar os bispos, pois a natureza não os criou, são aberações,ou existe uma raça com nome de bispo , eu nunca ouvi falar...

    ResponderExcluir
  35. Tem que exterminar este bispo. Na Bíblia esta escrito que falsos profetas aparecerão e se dirão de Deus e não são.Este é um deles.Cuidado! " Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos. Mateus 24:24"

    ResponderExcluir
  36. Esse comentário foge ao tema da notícia; contudo, gostaria que fosse publicado para que mais pessoas possam tomar conhecimento dessa verdade e assim poderem confrontar através de argumentos lógicos a falácia tão característica do cristianismo: 'que foi Cristo que primeiro veiculou ensinamentos sobre o amor ser a chave para o crescimento espiritual e para mudança dos seres humanos.

    O amor não foi um ensinamento iniciado por Cristo: isso é um engano, e tem se perpetuado devido a ignorância de muitos e a imposição dessa mentira através da coação praticada pelo cristianismo através dos séculos.

    O Banquete, também conhecido como 'O Simpósio' ou 'O Convívio Através do Amor', é um dos mais celebrados textos de Platão: os diálogos éticos acerca da natureza e qualificação de Eros, ou o tema do Amor. O título pouco importa, desde que a intimidade erótica do mais belo diálogo platónico seja mantida.

    Este diálogo de Platão - nas traduções latino-renascentistas intitulado O Convívio - acabou por se fixar nas culturas ocidentais com o título de O Banquete.


    O amor (Eros), em suas plurais significações de natureza e de valor, com ênfase no amor espiritual de acordo com a hierarquia de louvores patentes no diálogo, é o tema de 'O Convívio', 'O Simpósio' ou 'O Banquete'. Neste discurso, não há limites para o amor em sentido espiritual, uma vez que se compara a grandeza do próprio Universo, que era tido como um organismo vivo.

    Platão escreveu muitos diálogos éticos; daí o motivo de 'O Banquete', 'O Simpósio' ou 'O Convívio através do Amor', aparecer inserido entre eles.

    Vale lembrar que Platão, bem como muitos outros pensadores gregos, beberam em fontes egípcias, onde aprenderam muitas coisas acerca do mundo espiritual através de antigas escolas de mistério. Portanto, o amor é um ensinamento existente em escolas de mistérios de centenas ou milênios de antes de Cristo.

    Vale ainda lembrar que tudo que Cristo (levando-se em conta alguém histórico ou simples lenda) já havia sido dito por outros pensadores ou mitos, ou seja, nada que Jesus tenha dito era novidade na época por já existir nos mitos de Hórus, Khrishna, Mitra, Herácles, Confúcio, Buda, Orfeu, etc., bem como de pensadores como Platão, Pitágoras, Heráclito, etc. O que consta nos tais Evangelhos é simplesmente um amálgama do que já existia antes.

    ResponderExcluir
  37. Assim que terminei de ler este triste comentario deste imbecil bispo,senti nausea,e me perguntei:de onde foi gerado este infeliz?A vaidade e arrogancia deste homem e carregada de ignorancia e egoismo,que nao existem palavras,para definir.Esta famigerada biblia,que nao serve para limpar o coc^o dos cachorros.cConclamo que se inicie rapidamente o exterminio destes bispos,para que nao se prolifere,esta maldita saga e crueldade contra os animais.A natureza nao esta a nosso servico,ela foi criada,para que nos a cuidemos,pois e ela que nos oferece equilibrio e conforto.

    ResponderExcluir
  38. Este bispo é um canalha e está instigando os humanos a serem ainda piores.
    Maioria dos cães vão parar nas ruas por conta de pessoas como este canalha que estão no mundo somente para semear a semente do mal e do egoísmo.

    Infelizmente ha ainda líderes religiosos desrespeitosos que pregam contra animais, contra homossexualidade e em muitas regiões ainda tratam as mulheres com desprezo dizendo serem guiados pela tal bíblia.

    Lembrando que hoje podemos recorrer as leis do homem para punir delitos religiosos.

    ResponderExcluir
  39. “Deus criou todas as coisas e as colocou à disposição do ser humano" isso é fato está na Bíblia, só que a fala do Bispo: "Está em Gênesis: podemos nos desfazer dos problemas criados pela natureza" isso não está na Bíblia, alias problemas criados pela natureza????? Não foi Deus que criou a natureza? Ele faria algo com problemas ??? Esse problema do qual ele fala é o ser humano, que foi criado de maneira perfeita assim como a natureza! Só que o ser humano se corrompeu e ele q origino os ''problemas'' por tanto não é a natureza a culpada, se as pessoas abandonam os animais na rua, e nas ruas eles acabam se procriando. O que precisa matar é falta de edução das pessoas. E aumentar nela o carinho e respeito pelos animais que também é obra e criação de Deus. Os argumentos dele não tem fundamentos, é uma visão antropocêntrica algo surgi no na idade média que usa esse mesmo paragrafo da bíblia para dizer q o ser Humano é o centro de todas as coisas, oq sabemos q não é. Oque me alivia é saber que obviamente os bispos, padres e diáconos não são como esse bispo, que digrede a imagem da igreja Católica.

    ResponderExcluir
  40. Acho que alguém tomou os conselhos do bispo, por analogia, para exterminar os moradores de rua. por aqui já não se vê essa população!!!

    ResponderExcluir
  41. Religião é o câncer do mundo, a cada dia que passa eu me convenço ainda mais disso.

    ResponderExcluir
  42. "Crueldade é algo que está presente em famílias humanas por incontáveis eras. É quase impossível alguém que é cruel com os animais ser generoso com as crianças. Se se permite às crianças a crueldade contra seus animais de estimação ou outros que cruzem seus caminhos, elas aprenderão facilmente a ter o mesmo prazer com a miséria de seus semelhantes. Essas tendências podem facilmente levá-las ao crime"
    Frederic McGrand citado em "The extended circle: a dictionary of humane thought" - página 190.

    ResponderExcluir
  43. Se Deus aprova esse tipo de coisa ele não é tão bom quando eu achei que fosse, vai a merda senhor BISPO pois lá é seu lugar , esse tipo de ser humano é tão ignorante por achar que é tão superior assim para poder descartar o que esta "perturbando" NINGUEM TEM DIREITO DE TIRAR A VIDA DE UM SER VIVO . .. UM CACHORRO NÃO ATACA SE NÃO SE SENTIR AMEAÇADO ANTES . . .

    ResponderExcluir
  44. Nunca li nada a respeito disso na Bíblia, só se for na bíblia desse bispo, mesmo!

    Pois na Palavra do meu DEUS, não tem nada disso, pelo contrário:

    "Você destruiu as árvores dos montes Líbanos e agora será destruído; você matou os animais e agora vai ficar com medo deles. Isso acontecerá por causa dos crimes e das violências que você cometeu contra os povos do mundo e contra as suas cidades." (Habacuque 2.17)

    Ou seja, quem cometer alguma violência, contra a natureza (incluindo tudo o que foi criado pelas mãos de DEUS) terá que ser justamente julgado pelos actos causados!

    ResponderExcluir

Postar um comentário