Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Pastor da Dinamarca se recusa a sepultar corpo de lésbica

O luterano Norhern Jutland
disse que se arrependeu
Um pastor luterano de Northern Jutland, na Dinamarca, se recusou a sepultar o corpo de uma senhora de 74 anos por ela ter sido lésbica.

Kirsten Østergaard, a filha dela, comentou o constrangimento: “Olhei para a parceira de minha mãe, e ela ficou em silêncio. Fiquei chateada por ela. Que situação terrível em que foi colocada.”

A parceira da mãe de Østergaard tem 80 anos. As duas viveram juntas por 20 anos.

A família da falecida se queixou com o superior do pastor, que se mostrou arrependido. Ele disse que foi o maior erro que cometeu em sua vida e pediu perdão aos familiares do casal.

Østergaard afirmou que o pastor se arrependeu provavelmente não por causa do mal-estar que causou nos familiares, mas pela repercussão que o caso teve na imprensa. "Ele se viu debaixo de holofotes negativos."





Fonte: Politiken.dk.

Casal de Minas processa padre que recusou batismo ao seu filho
maio de 2012

Intolerância religiosa no Brasil.     No mundo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...