Vereador quer proibir bar perto de templos para poupá-los de barulho

O evangélico Ditão disse que
fiéis precisam de paz para orar
O vereador evangélico Benedito Oleriano, o Ditão (foto), 64, de Sorocaba (SP), apresentou projeto de lei que, se aprovado, proibirá a instalação de bares, lanchonetes e casas de show a menos de 300 metros de templos e igrejas, para poupá-los de barulho. A cidade tem cerca de 600 mil habitantes e fica a 95 km de São Paulo.

O projeto de lei já teve parecer contrário da Comissão de Justiça da Câmara, por entrar em conflito com legislação federal.

De acordo com resolução do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente), bares e congêneres estão autorizados a emitir ruídos até determinados limites e horário.

O projeto — que terá de passar por outras comissões— prevê, em caso de desobediência, multas de R$ 3 mil a R$ 5 mil, além do fechamento de estabelecimento nos casos de reincidência.

Ditão, que é do PMN, afirmou que elaborou o projeto porque quem frequenta igrejas e templos "precisa de paz para orar".

Recentemente, Serra, cidade do Espírito Santo, aprovou lei que libera os templos dos limites de barulho determinados pelo Conama.

Com informação do Cruzeiro do Sul

Cidade do ES aprova lei que livra de punição o barulho das orações.
março de 2012

Barulho de culto.

Comentários

  1. As igrejas evangélicos são as que mais fazem barulho com suas rezas histéricas, encenações de exorcismos e músicas gospéis insuportáveis.

    Pois é. Nem em relação ao barulho os evangélicos querem concorrência.

    Lamentável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qndo sai o projeto de lei q nos poupa do barulho em geral (de bares a igrejas)???

      E agora? Quem poderá nos defender???

      Excluir
    2. é concorrência mesmo

      eles querem ser absolutos em tudo
      até no barulho

      Excluir
    3. Não me entenda mal, não " estou do lado deles" , mas acho que não podemos generalizar: não são todas as igrejas evangélicas que fazem barulho insuport=ável, normalmente são igrejas pentecostais ou neopentecostais. A grande maioria das outras merece respeito (pelo menos nesse aspecto)

      Excluir
  2. Em caso de Igreja neopentecostal, a recíproca é verdadeira? XD

    ResponderExcluir
  3. Santa hipocrisia não me canso de invoca-la nos ajude a entender a mentalidade destes pulhas, porque projeto de lei deste, que beneficio trará ao povo a não ser ao coletivo e outro fator as igrejas já fazem um tremendo de um barulho, talvez seja por isto querem liderar a bagunça.Quando este povo vai trabalhar de verdade?

    ResponderExcluir
  4. Acho interessante pois meu prédio localiza-se na frente de uma "Assembléia do sei lá o que" e nos dias de culto os gritos e cantos desafinados dá para ouvir no meu apartamento que fica no 3º andar.

    ResponderExcluir
  5. Tinha que ser da PORRA da minha cidade... Que bosta!!!!!!!!!

    Robson Kvalo

    ResponderExcluir
  6. quando esses psicóticos começarem a gritar, joguem gás lacrimogênio dentro da igreja. vamo ver quem aguenta.

    ResponderExcluir
  7. "firmou que elaborou o projeto porque quem frequenta igrejas e templos "precisa de paz para orar"."
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
    Quando os protestantes que começam a rezar, são os outros que perdem sua paz.

    ResponderExcluir
  8. Isso é sério ou é piada??? Esse cara perdeu a contato com a realidade. Internação já.

    ResponderExcluir
  9. Concordo plenamente com o vereador, gente! Os frequentadores de bar ficariam completamente incomodados com tanto barulho. Não ia dar nem pra se divertir. Essas
    igrejas estão ficando cada vez mais barulhentas mesmo. Alguém tinha que dar um basta nisso. "ironic mode off"

    Claudio

    ResponderExcluir
  10. Concordo plenamente com essa idéia, gente! Os frequentadores dos bares ficariam completamente incomodados com tanta barulheira. Tem que proibir mesmo as igrejas de se instalarem perto dos bares, das residênicas, do comércio em geral, enfim, elas têm que escolher lugares onde não possam incomodar ninguém: no cemitério. (ironic mode off)

    ResponderExcluir
  11. É mais plausível proibir as igrejas de se instalarem a curtas distâncias de áreas residenciais. Muitas vezes, elas fazem mais barulho que uma casa de shows.

    ResponderExcluir
  12. Culpa do cachaceiro do Lutero.

    ResponderExcluir
  13. Esses caras tem que procurar ficar isolados num deserto,tem que preocupar com a roubalheiras dos seus representantes e preocuparem com educação e bem estar do povo brasileiro que sofre e não sabem em que acreditar mais se em deus nos politicos ou no capêtaaaaaaaaaaaaa! kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  14. Esses caras tem que procurar ficar isolados num deserto,tem que preocupar com a roubalheiras dos seus representantes e preocuparem com educação e bem estar do povo brasileiro que sofre e não sabem em que acreditar mais se em deus nos politicos ou no capêtaaaaaaaaaaaaa! kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  15. Em frente ao meu condomínio existe um bar com mais de 30 anos. Há uns 3 anos (acho eu) uma igreja muito barulhenta se estabeleceu em cima do bar, alugando um terraço. Chegaram a fazer campanha para arrecadar dinheiro para comprar um lugar.
    Cerca de 2 meses depois da instalação, começaram um abaixo-assinado para a retirada do bar daquele local. Cheguei a ser abordada na rua por uma integrante de lá, para que eu assinasse a vergonha pendurada deles. Dentre as coisas que ela falou é que um lugar santo (a igreja) não podia se contaminar com uma imundície daquelas (o bar).
    Ah, aí vem a pergunta clássica: pq vcs alugaram em cima de um bar, então?
    Questão interessante: o bar é no térreo, o dono mora em cima. E ele também é o dono do terraço, alugado pela igreja.
    Cara-de-pau-pentecostal pouca é bobagem.
    Esse é o modus operandi. Quem incomoda não tem que se mudar, mas sim expulsar os incomodados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se a gente parar pra pensar um pouco, Nika, as igrejas da Universal dizimariam o comércio local de cidades inteiras se uma lei de merda dessas for aprovada. Porque a Universal não constroi em qualquer lugar. Eles constroem em lugares estratégicos que é pra tentar o fiel. Repare: a Universal tá sempre perto de bar, de puteiro, de lugares com alguma vulnerabilidade social. Um sadismo com pessoas sofridas. E pode ter certeza, eles não parariam por aí se uma lei dessas passasse.

      Excluir
  16. Crentes: Sempre vindo com piada pronta.

    ResponderExcluir
  17. E que tal uma lei proibindo templos evangelicos perto de pessoas e areas residenciais para poupa-los do barulho ?

    ResponderExcluir
  18. As igrejas evangélicas fazem mais barulho do que uma furadeira quando estão pregando.

    ResponderExcluir
  19. Uma catedral da Universal no Recife foi obrigada a instalar isolamento acústico por ficar próxima demais ao Tribunal de "Justiça". Na verdade TODOS os templos evangélicos deveriam ter tratamento acústico, daí além de não incomodar gente normal ainda não dá margem a esse tipo de frescura desse vereador de merda.

    ResponderExcluir
  20. Na minha adolescência, morei ao lado de uma Assembléia de Deus por dois anos, e tinha frequentes dores de cabeça. A igreja virava suas caixas de som (com mais de 2m de altura) para o lado de fora das janelas.

    Todas as noites de terça e quinta e nas manhãs de domingo eu procurava sair de casa para evitar a amolação.

    Muitas vezes quis chamar a polícia, mas minha mãe me impedia, pela política da boa vizinhança(boa só para os outros, não é?!)

    O barulho certamente ultrapassava os 100db, sem contar os gritos histéricos em línguas extranhas. Me lembro também de lagumas pessoas que gritavam aleluiaaleluiaaleluia tão rápido que parecia que estavam narrando rodeio.

    ResponderExcluir
  21. Ta, esse cara quer fazer isso para poupar os bares né? Sim, porque é horrível você estar em um boteco bebendo uma gelada e de repente começar uma gritaria do caralho, -Queima ele senhooooor! Queima eleee!... Haja saco meu!

    ResponderExcluir
  22. para polpar o bar do barulho finalmente os barmens ficarao calmos

    ResponderExcluir
  23. Esses vereadores da minha cidade me 'trincam' de vergonha. Pior que o povão reelege um sem noção desses. Políticos e religiosos têm tudo a ver, mesmo: uma corja que faz tudo pensando só no próprio umbigo - e ainda querem se "vender" como "bons e justos".

    Ruggero

    ResponderExcluir

Postar um comentário