Terreiros do Rio adotam o chá alucinógeno Ayahuasca



Terreiros de Umbanda do Rio adotaram em seus rituais o consumo do chá alucinógeno Ayahuasca, da crença do Santo Daime.

Na prática, surgiram duas novas seitas, diferenciando uma da outra nos rituais.

Uma é o Umbandaime e outra o Daimeumbanda.

O Ayahuasca é proibido em vários países, como Inglaterra e Alemanha, porque é tido como droga.

No Brasil, o chá é permitido por lei somente em rituais religiosos. Mas não há fiscalização.

Sacerdotes dessas seitas certamente têm agradecido as suas divindades pelo aumento do interesse pelo chá.

Alguns deles chegam a cobrar até R$ 1,5 mil por participação em cerimônias que podem durar até quatro horas.

Além de dor de cabeça, atribui-se ao Ayahuasca a propriedade de "expansão da consciência".

No caso das novas seitas, para o leigo fica a dúvida: o que expande é a consciência do usuário da droga ou a do espírito que baixa nele?

Droga para expandir a consciência

Com informação de “O Dia”.

Envio de correção



Inglaterra condena xamã por usar bebida do Santo Daime