Drauzio Varella afirma que o Natal é uma festa 'meio cafona'

O médico e escritor Drauzio Varella disse que detesta o Natal. “Acho horrível.”

"Papai Noel
é uma figura
estranha"
Para ele, tudo no Natal é “meio cafona”: a cidade se enche de luzinhas, há bolas cujas cores que não combinam entre si, congestionamento no trânsito, correrias, confusão.

“[Além disso] há criança que tem medo de Papai Noel, que é uma figura estranha”, disse ele em vídeo [abaixo] postado em sua página no Facebook.

Revelou que não dá presente para ninguém, mas, como médico, estará à disposição dos amigos para qualquer emergência.

Varella, que é ateu, não fez nenhuma referência religiosa ao Natal, como, por exemplo, a de que a origem dessa festa é pagã.

Ele afirmou que prefere o final do ano porque o momento é propício à reflexão, o que leva as pessoas a fazerem balanço do ano passado e plano para o que começa, renovando esperanças.

   

Com informação do vídeo de Varella.

Envio de correção.

Grupo de discussão no WhatsApp.


Por que Natal é uma festa de todos, não só dos cristãos