Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

terça-feira, 3 de março de 2015

Bangladesch prende suspeito de ter matado blogueiro ateu

Rahman já
tinha feito
ameaça de morte
A Polícia de Bangladesch prendeu o ex-estudante de física Farabi Shafiur Rahman (foto) sob a acusação de ser um dos dois radicais islâmicos que mataram a facadas o blogueiro ateu Avijit Roy, 42.

O crime ocorreu na noite de quinta-feira (26) em Daca, capital do país. Roy e sua mulher, Rafida Ahmed Bonya, 45, estavam saindo de uma feira de livro. Ela ficou gravemente ferida.

Roy nasceu em Bangladesh e tinha cidadania americana. Formou-se em engenharia mecânica e vivia em Atlanta (EUA). Em seu blog, o “Mente Aberta”, ele combatia o radicalismo islâmico e a interferência dos interesses de religiões em assuntos de Estado.

Rahman é também um blogueiro. Ele vinha se dedicando a expor o seu ódio contra os ateus, e Roy era a sua vítima preferencial.

Em um recente post no Facebook, ele escreveu: “Avijit Roy vive na América e, por isso, não é possível matá-lo agora. Mas ele será morto quando voltar [a Bangladesh]”.

Ele já tinha sido preso por ameaçar um imã que orou nas cerimônias fúnebres de Ahmed Rajib Haider, outro blogueiro ateu morto em 2013. Depois de seis meses de prisão, Rahman foi solto mediante pagamento de fiança.

Agora, ao ser preso, ele negou que fosse o autor do assassinato de Roy, mas admitiu ter feito a ameaça de morte ao blogueiro.

Com informação das agências.





Livro mostra por que Platão é o pai da perseguição aos ateus


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...