segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Igreja de ateus de Londres se expande para outras 20 cidades

Sanderson Jones e Pippa Evans
 Sanderson  e Pippa ficaram surpreso 
com o interesse pela igreja ateísta
Oito meses depois de ter sido aberta no norte de Londres, a Assembleia de Domingo, que é uma  “igreja” de ateus, agnósticos e livres pensadores, anunciou que está abrindo 20 “templos” em outros locais do Reino Unido, como Bristol, e em cidades de vários países, como Estados Unidos (Nova Iorque e San Diego), Austrália (Sydney, Melbourne e Perth), Canadá (Vancouver), Irlanda (Dublin) e Escócia (Glasgow).

A expansão da igreja ateísta foi uma surpresa para seus próprios fundadores, os comediantes Sanderson Jones e Pippa Evans (na foto), que todos os domingos conduzem em Londres um “culto” para cerca de 400 pessoas. Há debates sobre atualidades e outros temas, como filosofia, um sermão-secular e a exposição de um palestrante convidado. Em alguns momentos, o encontro lembra uma comédia stand-up, com piadas que animam a plateia.  O objetivo é celebrar a vida terrena, a única existente, dizem os organizadores.

Em tom de brincadeira, Jones afirmou que está visitando as congregações incipientes, em uma “viagem missionária global”.

Ele acredita que por ano possam ser criadas cerca de 40 Assembleias de Domingo, chegando a mil em uma década. “Quando tive a ideia [da igreja ateísta] pensei em criar um ambiente onde eu gostaria de frequentar em Londres. Agora sei que o mesmo é possível em outros locais, porque há interesse de pessoas.”

Jones e Evans elaboraram uma “carta fundamental” para que todas as filiais sigam um formato semelhante.

Stuart Balkham faz para da assembleia de Brighton que vai começar a funcionar na próxima semana. Ele disse que o que as denominações religiosas têm de bom é o senso de comunidade. Para ele, a igreja ateísta pode proporcionar essa mesma percepção.

"É ingênuo negar que há muita coisa boa que vem da religião organizada, e eu acho que as assembleias dominicais devem copiar isso descaradamente.”

Alguns ateus têm feito fortes críticas ao surgimento de uma igreja para descrentes. Esses ateus temem que, no fim, se esteja criando uma nova religião, com estrutura bem definida e cadeia de comando. Como a Assembleia de Domingo também recebe doações, os seus fundados são acusados de serem tão espertalhões quanto os pastores que se enriquecem às custas dos fiéis.

Jones e Evans não se abalaram com essas críticas — e uma delas foi feita pelo ateu mais conhecido no momento, o biólogo britânico Richard Dawkins.

Os dois já têm planos de, a exemplos das igrejas cristãs, montar uma escola gratuita dominical para divulgar o ateísmo e estimular o livre pensamento.

Com informação do The Guardian.





Comediante nega que 'igreja ateísta' seja nova religião
fevereiro de 2012

Ateísmo


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...