Nos EUA, 90% dos ateus vão tomar vacina; evangélicos, 54%, mostra pesquisa

Do total dos ateus dos Estados Unidos, 90% deles afirmaram que “definitivamente” ou “provavelmente” vão tomar a vacina contra a Covid-19 ou já receberam a imunização.

Dentro dos grupos com crenças religiosas (ou sem nenhuma), trata-se do maior contingente favorável à vacina. 

No extremo oposto aparecem os evangélicos brancos: 54% deles estão propensos a serem vacinados.

Os dados são do Pew Research Center, que fez um amplo levantamento sobre o comportamento da população americana em relação à vacina.

O presidente Biden prometeu vacina para todos os adultos até o final do primeiro sementre deste ano.

O movimento antivacina é forte nos Estados Unidos, mas nas últimas semanas tem diminuído a resistência ao imunizante.

Os ateus são receptivos às vacinas provavelmente porque têm formação escolar acima da média da população e, em consequência, acreditam mais na ciência.

Comentários