Cantor gospel masturbador diz que estava sob ‘as forças do mal’



O cantor evangélico Paulo Gontijo (foto), 45, tentou se explicar à Polícia Militar. Disse que no ônibus, quando tirou o pênis para fora, encobrindo-o com um paletó e começou a se masturbar, ele estava sob o domínio das “forças do mal”.

Gontijo se
 masturbou ao lado
de passageira
O artista gospel só se esqueceu de dar essa explicação à passageira sentada ao seu lado, e ela chamou a PM dali mesmo, pelo celular, discando o 190. Ele foi preso na primeira parada do ônibus.

“Estou arrependido”, disse. Ele argumentou que ficou fragilizado diante do Satanás porque estava viajando havia 20 dias, em turnê evangélica, e sentia a falta de sua mulher.

A exibição masturbatória de Gontijo ocorreu na manhã de domingo (18), quando, em Rondônia, partiu de Cacoal para Ouro Preto do Oeste, de onde seguiria para a cidade de Urupá para se apresentar em uma igreja.

A mulher disse à polícia que, de início, Gontijo lhe pareceu ser uma pessoa distinta, mas se surpreendeu quando ele começou a movimentar a mão debaixo do paletó.

Gontijo já gravou cinco CDs e tem 17 anos de carreira. Frequenta a Igreja Assembleia de Deus Madureira, em Goiânia (GO), onde mora.

Ela vai responder à Justiça por ato obsceno em público.

Com informação do Diário da Amazônia


Pastor diz que masturbação é uma forma de homossexualidade


EDITOR DESTE SITE

Paulo Roberto Lopes é jornalista

profissional diplomado. Trabalhou

no jornal centenário abolicionista

Diario Popular, Folha de S.Paulo,

revistas da Editora Abril e

em outras publicações.

Contato