Crivella dá benefício a igreja que não tem utilidade pública


Prefeito rejeitou parecer
de sua própria secretaria

Marcelo Crivella (foto), como prefeito do Rio, continua pastor.

Ele concedeu o título de Utilidade Pública a uma igreja que não presta nenhuma utilidade pública, a Assembleia de Deus Ministério Vida e Luz.

Quem atestou que a igreja não mantém qualquer serviço gratuito à comunidade foi a Secretaria Municipal de Assistência Social.


Crivella ignorou o parecer de sua secretaria e concedeu o título.

Não se trata de uma mera homenagem.

As entidades que têm esse título podem requerer benefícios públicos e recolher menos impostos e taxas municipais.

O pastor Crivella deveria saber que improbidade administrativa é pecado.





Prefeito Crivella assina contrato com banco de Edir Macedo