Cidade sueca veta proselitismo cristão em jardim de infância



O departamento de ensino da cidade de Umeå, ao norte da Suécia [mapa], proibiu que uma pré-escola falasse às crianças sobre a Bíblia e os ensinasse a dizer “amém”.

As autoridades municipais argumentaram que a Lei de Educação da Suécia veta qualquer tipo de proselitismo religioso, mesmo em um estabelecimento confessional, que é o caso dessa pré-escola, mantida pelo Exército da Salvação.

A notícia tem repercutido em países de população cristã, como o Brasil, que estão acostumados a desrespeitar a laicidade do Estado.

Lei impede lavagem cerebral

Com informação do Heat Street.

Envio de correção



Professores impõem suas crenças em escolas laicas