Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Religião islâmica banida na Alemanha atua no Sul do Brasil

Nagie, líder do grupo, esteve no Brasil em julho
A polícia da Alemanha desmantelou em uma megaoperação o grupo salafista "A Religião Verdadeira" (DWR, na sigla em alemão) por estar pregando o radicalismo religioso naquele país. Os responsáveis pela religião foram banidos. 

A organização islâmica atua em vários países, incluindo o Brasil, no Sul.

Em julho de 2016, o palestino naturalizado alemão Ibrahim Abou-Nagie (de costas na foto acima) participou em Florianópolis de um evento de distribuição de exemplares de Corão.

O Ministério do Interior alemão afirmou que a DWR, promove uma versão ultraconservadora do islã, "glorifica o assassinato e o terrorismo" e servia de fachada para o recrutamento de jovens para o grupo extremista Estado Islâmico.

A Religião Verdadeira tem ou tinha plano de se expandir no Brasil, a partir de Florianópolis.

Quando esteve no Brasil, Nagie gravou um vídeo em alemão dizendo que "estamos começando aqui [em Florianópolis]. "É uma cidade bonita."

No mesmo vídeo, um representante brasileiro da religião disse que o projeto "Leia!" [o Corão] "teve início na Alemanha e se expandiu para a Europa".

"É um projeto que teve um retorno muito bom. Cerca de 360 mil pessoas aderiram ao islã após conhecerem a verdade. Estamos agora iniciando aqui em Florianópolis."

Abou-Nagie então afirmou: "Eu também nunca imaginei. Mas essa é a vontade de Alá. (...) Enfrentamos um voo de 17 horas, mas por Alá isso é um prazer."

Com informação das agências e foto de divulgação.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...