Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Morte não assusta a um ateu, afirma o humanista Bunge

Argentino diz que religião, filosofia
e música estão em decadência
Aos 97 anos, o humanista, físico e filósofo argentino Mario Augusto Bunge (foto) disse em recente entrevista que “a morte não assusta a um ateu porque ele sabe que nada ocorrerá depois de morto”.

Além do mais, segundo ele, “a morte não é um mistério para alguém que sabe um pouco de biologia”.

Autor de mais de 40 livros, muitos deles com tradução para o português, Bunge se mantém um observador lúcido da contemporaneidade.

Ele é de opinião, por exemplo, de que a religião, a filosofia e a música estão em decadência, e a matemática, as ciências naturais e sociais e as técnicas estão florescendo.

Diferentemente dos chamados novos ateus, Bunge não combate a religião.

Ele defendeu o estudo da religião como ferramenta de controle social, mas não é hostil aos religiosos.

“Os ateus compartilham com quase todos os crentes sinceros algo muito mais forte do que os separa: o amor pela vida e o respeito pelo próximo."

Com informação do ABC.

Envio de correção.

Livro de Hitchens é exemplo de como um ateu enfrenta a morte


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...