Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Pastor americano que não crê em Deus decide sair do 'armário'

“Tenho vivido uma vida de sigilo, duplicidade e hipocrisia, mas isso chega ao fim hoje”, disse o pastor Carter Warden (foto), de Tennessee (EUA), em recente encontro de ateus, ao revelar que não acredita em Deus e que, portanto, estava deixando de ser sacerdote.

Warden não
vê mais sentido
em Deus
Explicou à plateia de um conferência da FFF (Freedom From Religion) que, depois de 10 meses de intenso estudo, lendo livros religiosos e ateístas, chegou à conclusão de que não há nexo na existência de um ser onisciente, todo-poderoso e amoroso.

“Esse deus não faz mais sentido para mim.”

Há seis anos, com voz distorcida eletronicamente, o agora ex-pastor participou de um programa de TV para falar sobre suas dúvidas sobre Deus. Apresentou-se com o nome de “Adam Mann” e o que apareceu foi sua silhueta.

De lá para cá, ele participou do Projeto Clero — uma comunidade virtual de acesso restrito de sacerdotes ateus que usam pseudônimos.

Na conferência, Warden disse que perdeu a fé basicamente por causa de Deus como personagem desprezível, das contradições nos textos bíblicos, das falácias das orações e da negação da religião à moderna ciência.

Com informação do site Johnson City Press e de outras fontes e foto de divulgação.

No Canadá, pastora ateia quer atrair descrentes para sua igreja


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...