Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

......................................................................................

sábado, 17 de setembro de 2016

Serial killer de Goiás se defende com uma citação da Bíblia

O serial killer Tiago Henrique Gomes da Rocha (foto) foi novamente levado à júri na quinta-feira (12/9) pelo homicídio do morador de rua Michel Luiz. 

"Porventura não
 é este o jejum
que escolhi"
Neste 14º julgamento a que foi submetido, ele foi condenado a mais 25 anos de prisão e, agora, já tem penas que somam 345 anos e 10 meses de prisão. Ele tem 14 condenações por homicídio e ainda por roubo e porte ilegal de arma.

Durante seu depoimento à Justiça de Goiás, Tiago negou a autoria e, em sua defesa, citou um trecho da Bíblia: “Porventura não é este o jejum que escolhi, que soltes as ligaduras da impiedade, que desfaças as ataduras do jugo e que deixes livres os oprimidos, e despedaces todo o jugo” (Isaías 58).

Michel foi morto na madrugada de 12 dezembro de 2012, em Campinas, bairro de Goiânia. Ele estava deitado na calçada quando foi atingido por Tiago, que se aproximou de moto e deu um tiro na sua cabeça.

O vigilante negou a autoria do crime, mas o exame de microbalística comprovou que a bala era da mesma arma que ele utilizou para matar outras pessoas. Imagens de câmeras de segurança mostram-o no local do crime e em um ponto onde outro morador de rua foi morto.

Além do homicídio, foram reconhecidas duas qualificadoras: motivo torpe e surpresa.

O juiz Eduardo Pio Mascarenhas ressaltou ainda que o fator surpresa, somado ao fato de que a vítima provavelmente dormia no momento do crime, impossibilitaram que ela se defendesse.

Quando foi preso, em 2 de agosto de 2014, Rocha confessou ter assassinado 39 pessoas, a maioria mulheres, entre os anos de 2011 e 2014, em Goiânia. Posteriormente, passou a ter matado 29 pessoas.

Com informação da Justiça de Goiás e de outras fontes e foto de divulgação.


Deus judaico-cristão tem perfil psicológico de um serial killer



Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...