Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

sábado, 17 de setembro de 2016

Saiba por que agnosticismo e ateísmo não se excluem

Ateu conclui que não existem divindades, e agnóstico é
quem não tem pretensão de chegar a alguma conclusão
por Austin Cline
para About Religion

Ateu é quem não acredita em qualquer deus, não importa suas razões para isso ou como aborda a questão da inexistência de divindades.

Trata-se de um conceito muito simples e justamente por causa disso é amplamente mal compreendido.

O ateísmo é a falta de crença em deuses, a ausência de crença em deuses, descrença em deuses, não acreditar em deuses.

Em outras palavras: um ateu é alguém que nunca afirmará que "pelo menos existe um deus."

Um agnóstico é alguém que não tem a pretensão de saber se existe ou não qualquer deus.

Esse também é um conceito simples, mas é de mais fácil compreensão em relação ao ateísmo e não tem causado grandes discussões.

O ateísmo e agnosticismo lidam com dúvidas sobre a existência de deuses, mas a conclusão do ateu é que não existem entidades sobrenaturais. O agnóstico não chega a qualquer conclusão.

Há um teste simples para saber se uma pessoa é agnóstica ou não. É esta pergunta: “Você acha que sabe com certeza que não há deuses?”

Se a resposta for “não”, quem respondeu é agnóstico.

A coisa se complica um pouco para a maioria das pessoas quando se mistura o conceito de ateísmo com agnosticismo.

Existe agnóstico ateu? Existe, contrariando o senso comum de que ateísmo e agnosticismo se excluem entre em si.

Ateus agnósticos são ateus porque não possuem uma crença na existência de qualquer divindade, e agnósticos porque afirmam que a existência de uma divindade ou é incognoscível, em princípio, ou ainda é, de fato, desconhecida.

O agnóstico ateu pode ser contrastado com o agnóstico teísta, que acredita que uma ou mais divindades existem, mas afirma que a existência ou não delas é desconhecida ou não pode ser conhecida.

É errado achar que o agnosticismo é uma espécie de “caminho do meio” ou "terceira via" em relação ao ateísmo e teísmo.

A diferença entre ser um ateu e ser um agnóstico deve ser muito clara e muito fácil de lembrar.

O ateísmo é sobre a crença, ou, especificamente, sobre o que a pessoa não acredita.

Agnosticismo é sobre o conhecimento, ou, especificamente, sobre o que a pessoa não sabe.

Texto adaptado pelo português por este site e com acréscimo de informação do Wikipédia. 

Ateísmo é radical; agnosticismo é melhor, escreve Gleiser


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...