Notas de um ateu: ‘Doutor, não me peça que eu tenha fé’



Internei-me para uma cirurgia simples e quatro dias depois deveria estar de volta em casa. Houve complicações cirúrgicas e fiquei no hospital 30 dias.

Médico pediu fé
para que uma fístula
se feche rápido
Ainda estou em convalescença, em casa, com dreno no abdômen e sonda entrando pelo nariz.

A internação me deixou estressado e irritado, inclusive com o cirurgião — que sabia que eu era ateu.

Ao falar sobre uma fístula que se abrira em meu estômago, ele disse: “Vamos agora ter fé para ela se feche o mais breve possível”.

Não me contive: “Não me peça isso, doutor, porque não tenho fé. Estou aqui, no hospital, por causa de seus conhecimentos científicos, sua experiência, não pela sua crença”.
  
O dia em que comecei a desacreditar em Deus 

Notas de um cético



Postar um comentário