Paulopes

Religião, ateísmo, ciência e astronomia

sexta-feira, 11 de março de 2016

Religiosos pretendem capturar o Estado, diz presidente do TSE

Não há como negar que alguns segmentos religiosos têm um projeto de captura do Estado para atender aos seus interesses. A afirmação é do ministro Dias Toffoli (foto), presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Dias Toffoli
fez defesa do
Estado laico
Ele defendeu a separação entre política e religião ao analisar um pedido de cassação contra o senador Ivo Cassol (PP-RO), que é acusado de se beneficiar de um evento religioso na campanha eleitoral de 2010.

Toffoli disse que o TSE não pode fechar os olhos para a realidade de que candidatos a cargos de todos os níveis procuram religiosos propondo troca de votos pelo atendimento de demandas, casos sejam eleitos.

“[Os políticos] dizem: ’O que vocês querem para me apoiar, o que eu posso dar para vocês?’”

Não houve uma decisão para o caso Cassol porque o ministro Gilmar Mendes pediu vistas do processo.

O presidente do TSE encerrou a sessão desta quinta-feira (10) afirmando que é preciso estabelecer balizas para compatibilizar o Estado laico com a liberdade religiosa e a de expressão.

Com informação das agências.







Postar um comentário

Posts mais compartilhados na semana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...