sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Padre Fábio de Melo enaltece a ajuda de ateus humanistas

O padre e cantor Fábio de Melo (foto) disse que, na luta contra o mal, ele não dispensa sequer a ajuda dos “ateus humanistas”.

Padre falou da
foto que teve de
tirar com travesti
“[Não dispenso] seus discursos [dos ateus] e suas reflexões, que nem chegam a tocar em Deus. Mas não me importa porque de Deus eu falo”, afirmou o padre um sermão em estádio lotado que foi transmitido pela TV Canção Nova [ver vídeo abaixo].

“Eu preciso de gente que se indigne”, disse. “De gente que se preocupe com os desabrigados de Mariana, de Governador Valadares.”

Além das consequências da tragédia desencadeada pelo rompimento de barragem da Samarco, em Minas, o padre falou sobre corrupção endêmica do país e o consumo de drogas, incluindo o de álcool.

Ele contou que, recentemente, ao comparecer ao aniversário da cantora Alcione, se sentiu, de início, constrangido quando um travesti se aproximou dele para tirar uma foto.

Disse que o travesti lhe perguntou se ele costumava tirar fotos com “pecadoras”.

"Eu respondi, 'mas é claro' e o abracei e tiramos a foto. Antes de sair, ele disse ‘eu não acredito que o senhor permitiu [a foto]’. E os olhos dele estavam emocionados."

Fábio de Melo disse que, depois, a irmã da Alcione lhe disse que o travesti se chamava Luana Muniz, conhecido por seu trabalho de ajudar moradores de rua no bairro da Lapa, Rio.

O padre reconheceu que isso foi uma “tapa” em sua hipocrisia.

Com informação do Youtube e foto de divulgação.





Padre Melo admite que ateu não é necessariamente má pessoa
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...