quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Ex-pastor lança em Portugal livro da ‘vida secreta’ da Iurd

O ex-pastor Mário Justino está lançando em Portugal o livro “Nos Bastidores do Reino — A vida secreta na Igreja Universal do Reino de Deus”.

Livro foi
proibido
no Brasil
O site católico Aleteia, em sua edição para Portugal, afirmou que o livro foi publicado em 1995 no Brasil, onde ficou disponível por um pouco mais de 20 dias.

“Por determinação judicial, obtida mediante a ação do poderoso departamento jurídico da Igreja Universal do Reino de Deus, todos os exemplares ainda não vendidos na época foram recolhidos.”

Justino contou, no livro, sua ascensão meteórica na igreja de Edir Macedo, começando como faxineiro até ser designado como pastor titular de um templo.

Ele escreveu que, embora pastores tenham de aparentar virtudes, nos bastidores da Iurd ocorriam com frequência adultérios, fornicação e "práticas homossexuais".

Faustino relatou que ele próprio teve sua primeira relação sexual com outro nome.

Ele escreveu, também, que os templos da Igreja funcionam como uma franquia empresarial, sendo que os pastores são pressionados a cumprir uma meta de arrecadação de dízimo.

Contou, ainda, que, quando estava em um templo nos Estados Unidos, foi despedido por Edir Macedo depois de 11 anos de trabalho, sem receber qualquer indenização.

Com mulher e dois filhos, Justino contou que se atolou nas drogas e passou a se prostituir e contraiu o vírus da Aids.

Escreveu que, com depressão, debilitado pela síndrome e abandonado pela família, foi internado em um hospital nos Estados Unidos, onde recebeu o apoio de Danusa, um travesti brasileiro.

Como se vê, o livro tem muito de autobiografia. Até poderia dar um filme, se a Universal deixasse.

Há uma versão digital do livro neste link.

Com informação da Aleteia.





Edir Macedo conta em novo livro que pensou em suicídio

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...