Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Padre justifica pedofilia e afirma que homossexualidade é doença

Padre disse que
crianças precisam
 de 'atenção'
Em uma entrevista a uma TV [vídeo abaixo], o padre italiano Gino Flaim fez duas declarações polêmicas.

Em uma delas ele justificou a pedofilia, responsabilizando as crianças por seduzir padres, e em outra afirmou que a homossexualidade é uma doença. 

O padre disse que entende os padres que cometem pedofilia porque conhece as crianças.

"Infelizmente, algumas delas precisam de atenção que não recebem em casa”, disse. “Se encontram um padre e ele cede ... Isso eu entendo".

A repórter foi direta e lhe perguntou se acha que as crianças são a culpadas pelo comportamento pedófilo de padres. Ele respondeu que “sim”.

Quantos aos gays, o padre afirmou que eles sofrem de uma doença. "Isso não surpreende, pois a igreja é uma comunidade de pecadores".

Após a repercussão da entrevista, a Igreja San Pio X, em Trento, comunicou o afastamento de Flaim de suas atividades.

"Ele (o padre) expressou opiniões que não representam de forma alguma a Arquidiocese de Trento ou a comunidade eclesial”, disse em nota a Igreja Católica.

Flaim não é o primeiro sacerdote que coloca a culpa de estupros e de diferentes abusos sexuais cometidos por padres na vítimas, nas crianças.

Em 2011, o bispo Robert Cunningham, de Nova York (EUA), já tinha dito a mesma coisa.

"Eu conheço as crianças"



Trento tem mais de 100 mil habitantes

Com informação das agências e imagens do Youtube.





Bispo culpa crianças por serem violentadas por padres

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...