Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Malafaia e Conar entram na polêmica do anúncio gay

Polêmica do anúncio
do Dia dos Namorados
começou nas redes sociais
O pastor Silas Malafaia divulgou um vídeo [ver abaixo] defendendo um boicote ao Boticário por causa do anúncio [também abaixo] do fabricante de cosméticos para o "Dia dos Namorados" que incluiu casais gays – dois homens e duas mulheres.

Ressaltando que a democracia lhe permite criticar o comportamento de quem quer que seja, o pastor disse ter o “direito de preservar macho e fêmea” e que “nós [heterossexuais] somos a maioria”.

O anúncio tem causado polêmica desde quando começou a ser veiculado na TV. Tanto que no Youtube, no canal do Boticário, ele é alvo de uma “guerra” entre “likes” e “deslikes”.

No momento, os cliques de quem gosta ou apoia o anúncio apresentam a maior contagem, mas na maior parte do tempo eles estiveram abaixo da contagem dos “deslikes”.

O anúncio ali já foi acessados quase dois milhões de vezes.

No Facebook e Google +, também tem havido embate.

Simone Moninha, por exemplo, escreveu que “o Boticário deixou a desejar” porque a Bíblia condena o relacionamento entre pessoas do mesmo sexo.

Bruno Viana respondeu: “O Boticário vende perfume, não água benta.”

Para a indignação de lideranças do movimento gay, o Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) anunciou que vai submeter o anúncio a um julgamento porque recebeu mais de 20 reclamações de consumidores que o consideram um desrespeito para com a sociedade e a família. Não há data marcada para o julgamento.

O Boticário disse que o seu anúncio apenas dá destaque à “diversidade do amor” e ao “amor além das convenções”.

Provavelmente o fabricante de cosméticos já esperava que a sua campanha publicitária causasse tanta polêmica, tendo em conta o recrudescimento do conservadorismo religioso do país capitaneado por pastores evangélicos.

Anúncio do perfume do amor que causou discórdia



Malafaia diz que anúncio incentiva o homossexualismo



Com informação das agências e redes sociais.





Malafaia atribui união gay ao modelo ateísta de sociedade
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...