Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Fundação de ateus e agnósticos doa US$ 20 mil ao jornal Charlie Hebdo

Doação foi em
 solidariedade a
ateus da trincheira
A FFRF (Freedom From Religion Foundation), uma entidade norte-americana de ateus e agnósticos, anunciou a doação de US$ 20.000 (cerca de R$ 52.000) ao Charlie Hebdo, numa “demonstração de admiração e solidariedade aos companheiros do outro lado do Atlântico”.

Dois terroristas islâmicos invadiram a redação do jornal parisiense no dia 7 de janeiro, matando 16 pessoas, entre as quais quatro chargistas, para “vingar” Maomé da publicação de sátiras.

No dia 14, após a maior manifestação pró-liberdade de imprensa já realizada em Paris, o jornal publicou nova edição ressaltando que é uma publicação ateia que conseguiu o “milagre” de unir a todos em torno de um valor democrático.

A FFRF informou que a doação do dinheiro e o envio de uma estatueta de um rei nu folheada de ouro correspondem a um prêmio do Fundo de Apoio a Ateus em Trincheira, para apoiar ativistas que se encontram na linha de fogo.

Dan Barker, co-presidente da fundação, comentou: “Nunca imaginamos que destinaríamos o prêmio a ateus literalmente em fogo cruzado”.

A fundação concedeu o prêmio pela primeira vez em 2012, a estudante Jessica Ahlquist, então com 16 anos, que recorreu à Justiça contra a exposição na escola de uma oração.

Barker disse que o atentado foi um crime de ódio contra os chargistas pelo fato de eles simplesmente expressarem a sua irreverência.

Lembrou que a França é a nação de ateus notáveis, como Meslier e Diderot, e é onde também se cultiva o secularismo.

Com informação da Freedom From Religion Foundation.





Muçulmanos são coniventes com atentados, diz jesuíta

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...