Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quinta-feira, 6 de março de 2014

Papa afirma que ainda tem cruz que roubou de caixão de amigo

papa Francisco
Francisco disse que pegou cruz
sem que ninguém percebesse
O papa Francisco [na caricatura ao lado] surpreendeu a imprensa internacional ao revelar em uma audiência com párocos de Roma que ele sempre carrega consigo a cruz do rosário que roubou nos anos 1990 das mãos de um amigo morto, no caixão.

Esse seu amigo se chamava Aristides, um padre idoso da paróquia do Santíssimo Sacramento de Buenos Aires.

Falou que se tratava de um sacerdote muito querido na comunidade e que, inclusive, tinha sido ordenado para confessar João Paulo II durante a visita do então papa à Argentina.

Quando Aristides morreu, Jorge Mario Bergoglio, o atual papa, era vigário geral.

Ele contou que ficou decepcionado por haver apenas duas pessoas (mulheres idosas) no funeral do padre.

Contou que, ao colocar flores no caixão, não resistiu ao ver a cruz entre as mãos do corpo de Aristides, e “pouco a pouco”, sem que ninguém percebesse, colocou-a em seu bolso.

Ele carrega a cruz em um bolsinho em sua batina na altura do peito, porque “o papa não tem uma camisa com bolsos”.

Nos últimos dias, Francisco tem falado sobre vários assuntos.

Conclamou os brasileiros a lutarem contra o trafico de pessoas (tema da Campanha de 2014 da Fraternidade, da CNBB).

Disse que a Igreja tem combatido a pedofilia de seus sacerdotes e que nenhuma outra instituição tem feito tanto esforço nesse sentido.

Reforçou que a Igreja manterá o veto ao casamento entre pessoas do mesmo sexo e que ninguém espere dele grandes reformas no catolicismo.

Disse que, diferentemente do que tem sido sugerido pela imprensa, ele não é um super-homem.

Com informação das agências.





Papa Francisco erra pronúncia e fala palavrão em italiano
março de 2014


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...