Andorra acata União Européia e retira Jesus de sua moeda

Para governo do 
paraíso fiscal, a medida é 
"razoável e justificável"
O governo de Andorra anunciou que deixará de imprimir a imagem de Jesus em suas moedas de euro, acatando, assim, a orientação da UE (União Europeia) de que se respeite o princípio de neutralidade religiosa.

Para o governo, trata-se de uma orientação “razoável e justificável”. As moedas que tem a efígie de Jesus são as de 10, 20 e 50 centavos, que passam a ter uma torre de uma das igrejas do país.

Andorra é um principado que fica entre o nordeste da Espanha e o sudoeste da França. Tem apenas 80 mil habitantes, dos quais 86,6% são católicos.

O governo é dividido entre o presidente da República francesa e o bispo de Urgel, no sistema chamado de co-príncipe.

Eslováquia manteve em
sua moeda efígies de santos
É um paraíso fiscal por onde circulam, portanto, pessoas das várias nacionalidades e crenças.

Em 2012, a UE pediu a Eslováquia que tirasse das moedas de 2 euros os santos Cirilo e Metódio. O governo recusou atender ao pedido sob a alegação de lhe cabe o direito de cunhar a moeda em circulação no país.

Com informação da Voz da Rússia, entre outras agências.







Justiça mantém Deus no real para não gerar 'intranquilidade'
novembro de 2012