Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quarta-feira, 13 de março de 2013

Malafaia diz que Feliciano é vítima do PT, gays e ateus

Silas Malafaia
Para pastor Malafaia,  há um
 complô  contra seu colega
Silas Malafaia (foto) afirmou que são os petistas, gays e ateus que estão movendo uma campanha de descrédito contra o pastor e deputado Marco Feliciano (PSC-SP).

Em uma nota de alerta aos pastores para que não assinem uma carta pedindo o afastamento de Feliciano da presidência da Comissão dos Direitos Humanos e Minorias, Malafaia disse estar em jogo, nesse caso, o interesse dos petistas que querem desviar a atenção da opinião pública para a posse de dois de seus integrantes condenados pelo crime do mensalão em uma das mais importantes comissões da Câmara.

Trata-se dos deputados José Genoíno e João Paulo Cunha, que agora fazem parte da Comissão de Constituição e Justiça. “Eles [os petistas] precisavam desviar da sociedade o foco deste fato”, afirmou Malafaia.

Outro motivo, segundo ele, é que Feliciano é “um ferrenho opositor dos privilégios” defendidos pelos ativistas gays, além de combater, por exemplo, a legalização do aborto.

O pastor disse haver também uma “questão ideologia”: a presença de um pastor na presidência da comissão não é do interesse dos “ateístas” que não querem que “a ideologia judaico-cristã permaneça como paradigma na sociedade”.

Malafaia admitiu que Feliciano fez “duas declarações infelizes”, mas não pode ser acusado de homofóbico nem de racista. “Primeiro porque nunca bateu ou mandou matar gay, e, segundo, porque ele é de origem negra”.





Com informação do Verdade Gospel

Feliciano paga pastores de sua igreja com dinheiro da Câmara
março de 2013

Silas Malafaia    Marco Feliciano
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...