Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Devoto que perdeu perna por causa de crucifixo processa igreja

David Jimenez
Jimenez estava pagando uma
promessa quando o crucifixo caiu
O imigrante mexicano David Jimenez (foto), 43, de Hudson Valley, no Estado de Nova Iorque (EUA), está movendo ação contra a Igreja Católica com o pedido de indenização de US$ 3 milhões (R$ 6 milhões) por ter perdido uma perna.

Um crucifixo de 300 quilos de um memorial de uma igreja católica esmagou a perna direita de Jimenez no dia 30 de maio de 2010 quando ele limpava-o em agradecimento pela cura de sua mulher.

Ele relatou no processo que o crucifixo estava preso por um único parafuso. A peça de mármore se espatifou, e o maior pedaço atingiu Jimenez.

Kevin Kitson, advogado do mexicano, disse que seu cliente é católico devoto, tanto que fez a promessa de limpar o crucifixo gigantesco durante o tratamento de um câncer de ovário diagnosticado em Delia, sua mulher, em 2008. Segundo Jimenez, a limpeza foi autorizada pelo responsável pela estátua.

O casal está nos Estados Unidos há pelo menos 20 anos. Tem três filhos, de 3, 13 e 17 anos.

Os gastos com o hospital foram cobertos por instituições de caridade. A Igreja arrecadou US$ 7.000 (R$ 14.000) para ajudar a família de Jimenez, mas o valor foi considerado insuficiente porque o mexicano se sente incapacitado para trabalhar.

A Justiça julgará o caso no começo de 2013.

Com informação do Huffington Post.

Jovem morreu em acidente por ser 'outra fé', diz bispo da Iurd
agosto de 2011

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...