Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Malafaia critica gay que pegaria em armas contra teocracia

pastor Silas Malafaia e reverendo Marcio Retamero
Malafaia disse que Retamero prega a intolerância mais radical
O pastor Silas Malafaia (foto), da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, afirmou que vai denunciar o líder gay Marcio Retamero (foto) ao MPF (Ministério Público Federal) por afirmar que pegaria em armas caso haja uma teocracia no Brasil. 

Retamero é também reverendo da Igreja da Comunidade Metropolitana Betel, uma denominação que se destina preferencialmente aos homossexuais. Ele fez a afirmação durante o 9º Congresso LGBT no Congresso Nacional, com a presença do deputado Jean Wyllys (PSOL).

Malafaia gravou um vídeo onde acusa Retamero de pregar a intolerância mais radical que já viu. “O camarada prega matar”, disse. “Se fosse um pastor [que tivesse dito isso], eles [os ativistas gays] estariam pedindo cadeia e apareceria o Ministério Público para denunciar”, afirmou.  “A imprensa não falou nada!”.

Retamero, em sua participação no congresso, acusou os fundamentalistas religiosos, "esses desgraçados”, de terem um projeto de poder “que só está se consolidando”. Foi neste contexto que ele afirmou: “Estou disposto em pegar em armas, se preciso for, se se instalar uma teocracia no Brasil”.

Malafaia disse que Retamero é um falso religioso porque debocha da Bíblia, além de não acreditar nela. Mais exaltado do que o costume, ele chamou Retamero de safado, moleque, inescrupuloso, vagabundo, medíocre, antidemocrático, ditador.

“Eu vou às últimas consequências”, afirmou. “Esse miserável tem de estar na cadeia.”

Retamero fala e Malafaia rebate

video

Malafaia diz que vai ‘arrebentar’ candidatura do petista do ‘kit gay’.
outubro de 2012

Silas Malafaia.

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...