Hitler enaltece Deus em oito passagens do 'Mein Kampf'


Mein Kampf, de Adolfo Hitler
'Conduta está  de
 acordo com Criador'

Há quem diga que Hitler era ateu, argumentando que só um descrente poderia ter feito o que ele fez.

Acusação gratuita, de quem só quer provocar?

Talvez nem tanto, porque em 2010, ao visitar a Grã-Bretanha (país que está na vanguarda da secularização), o próprio papa Bento 16 associou o “extremismo ateu” à “tirania nazista que pretendia erradicar Deus da sociedade”.

A Associação Britânica Humanista respondeu que atrelar ateísmo ao nazismo é “uma terrível difamação”.

O cientista Richard Dawkins afirmou algo no mesmo sentido, ressaltando que Hilter, para todos os efeitos, era católico, porque nunca renunciou ao batismo, além de se referir a Deus em várias passagens em seu livro Mein Kampf.

De fato, no famoso livro de Hitler há várias referências ao divino. Seguem oito delas, na expectativa (talvez em vão) de que, nesse caso, a verdade histórica seja um pouco mais respeitada.


1. Conduta de acordo com o Criador

"Acredito hoje que minha conduta está de acordo com a vontade do Criador Todo Poderoso." (vol. 1, capítulo 2)

2. Agradecimento de joelhos

"Até hoje não tenho vergonha de dizer que, dominado pelo entusiasmo de tempestade e com um coração transbordante, caí de joelhos e agradeci aos céus pela concessão e boa fortuna de viver neste momento." (vol. 1, capítulo 5)

3. Testemunha no Tribunal Divino

"Eu tinha tantas vezes cantado Deutschland über alles (“Alemanha acima de tudo”, em tradução literal) e gritado "Heil” com a total força dos meus pulmões, que me pareceu um ato tardio de agradecimento por me ser permitido servir como testemunha no Tribunal Divino do Juiz Eterno e proclamar a sinceridade dessa convicção." (vol. 1, capítulo 5)

4. Graça do Senhor sorriu

"Mais uma vez as canções da pátria rugiram para os céus ao longo das colunas de marcha sem fim, e, pela última vez, a graça do Senhor sorriu para os seus filhos ingratos. (vol. 1, capítulo 7, em uma reflexão sobre a I Guerra Mundial)


5. Missão do Criador

"Temos de lutar pela existência e o proliferação de nossa raça, das pessoas, pela subsistência de seus filhos e manutenção de nossas ações contra a mistura racial, pela liberdade e independência da pátria, para que nosso povo possa ser estimulado a cumprir a missão que lhe foi atribuída pelo Criador." (vol. 1, capítulo 8)

6. Pecado contra a vontade de Deus

"Em suma, os resultados da miscigenação são sempre os seguintes: (a) O nível da raça superior torna-se reduzida, (b) conjuntos de degeneração física e mental [...]. O ato de tal desenvolvimento é um pecado contra a vontade do Criador Eterno. E, como um pecado, esse ato será vingado." (vol. 1 Capítulo 11)

7. Sacrilégio contra Deus

"Quem se atreve a colocar as mãos sobre a maior imagem do Senhor comete um sacrilégio contra o benevolente Criador e contribui para [sua] a expulsão do paraíso." (vol. 2, capítulo 1)

8. Ouro e Deus

"[...] ouro se tornou hoje o governante exclusivo da vida, mas o tempo virá quando o homem voltará a se curvar diante de Deus." (vol. 2, capítulo 2)




Hitler nunca renunciou ao seu batismo católico, diz Dawkins

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

  1. Quem conhece toda a história da farsa dos Protocolos de Sião e o histórico ódio da Igreja Católica e de algumas igrejas protestantes contra o judaísmo saberá que essa postura de Hitler é bem fruto de seu tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. este maldito hitler enganou os ateus, os religiosos e quase enganou o mundo inteiro.

      ainda tem gente q diz q o capeta não existe.




      MURMURADOR

      Excluir
  2. Nada mais normal, a ICAR perseguiu os judeus muito antes de Hitler

    ResponderExcluir
  3. Hitler atingiu o que o Igreja sempre desejou na Idade Média. A destruição completa, dos judeus!!

    ResponderExcluir
  4. E ainda vão ter religiosos, aqui no blog mesmo, tendo coragem de chamar ateu de nazista.


    Nada mais santo que o nazismo, segundo as reflexões de Hitler, hehe...

    ResponderExcluir
  5. E ainda vão ter religiosos, aqui no blog mesmo, tendo coragem de chamar ateu de nazista.


    Nada mais santo que o nazismo, segundo as reflexões de Hitler, hehe...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem ateu nazista, vagabundo, trabalhador, analfabeto, e filosofo.

      vc acha q o ateísmo é só cultura?

      Excluir
    2. Anônimo (25 de setembro de 2012 17:14)

      Da mesma forma que tb tem religioso que é vagabundo ou trabalhador, nazista ou comunista, analfabeto ou estudado, ladrão ou honesto, preconceituoso ou tolerante, etc.

      Ou vc acha que religião e bom caráter são mutuamente exclusivos?

      Excluir
  6. Cristianismo = Nazismo

    Att.,

    Espancador de Pastores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tá pra herança do pra mesma coisa.

      Excluir
  7. Sim, eu ando vendo muitos teístas dizendo que Hitler era ateu mas escondia e coisas do tipo, dizendo que ele só cita Deus no Mein Kampf porque é o que o povo quer ouvir, etc...

    ResponderExcluir
  8. O que eu acho incrível é a quantidade de teístas falando que Hitler era ateu. Existem muitas imagens do facebook dizendo que hitler era ateu usando aquelas imagens que a ATEA fez modificando-se as imagens e textos e trocando ATEA por TEA. Acho que os teístas fazem isso pra nos irritar e dizer que, Hitler era mal, matou varias pessoas só por ser ateu, que não é verdade, ele era catolico. Incrivel mesmo é a quantidade de teistas que defendem com unhas e dentes que Hitler era ateu, tipo pra difamar o ateísmo, isso sem contar de quando falam dos socialistas que mataram milhares de pessoas por serem ateus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Provocação gratuita, eles deveriam provar que deus existe, isto acabaria com todos os ateus do mundo, eles não podem fazer isto, então partem para baixaria e provocação infantil.

      Excluir
    2. Mas a atea também faz provocação infantil no facebook

      Excluir
    3. Porém a ATEA faz provocações infantis em cima de mitos, então tá valendo né, já que mito é só isso: MITO.

      Excluir
    4. Pra vc pode ser, mas pros crentes eh td verdade

      Excluir
  9. Alguns dizem que hitler não era catolico pois fazia o mal e mesmo sendo benzido ele era contra o catolicismo e so dizia ser crente pra não gerar polemica e conseguir seguidores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se Hitler tivesse vencido, hoje os cristãos estariam dizendo que ele venceu "para honra e glória do nome de Deus". Mas como Hitler perdeu, alegam que ele foi "ateu enrustido", "ocultista enrustido", enfim, que ele teria sido qualquer coisa, menos um "cristão de verdade".

      Vejo esse filme se repetir todos os dias através de centenas de outros acontecimentos envolvendo cristãos.

      "Lembre-se sempre que Deus está do lado de quem vai vencer!"

      Excluir
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  11. Santo agostinho e martin lutero já malhavam os judeus ha muito tempo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E está aqui a prova de que Lutero foi o nazista original, para que depois não fiquem por aí dizendo que é invencionice:

      http://pt.wikipedia.org/wiki/Sobre_os_judeus_e_suas_mentiras

      Excluir
  12. Não podemos esquecer da Ku Klux Klan, mais um exemplo do carater teísta que ironicamente se acha o supra-sumo dos valores morais.

    Chupa crentaiada.

    ResponderExcluir
  13. Estou enganado ou bento xvi foi da ss ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não está, bento XVI fez parte da "juventude Hitlerista".

      O Vaticano chegou a declarar depois que o papa nunca fez parte da "juventude Hitlerista", mas foi alistado no grupo de auxiliares para a defesa aérea, uma força auxiliar do Exército, como ocorre atualmente com todos os jovens alemães.

      Mas em sua própria autobiografia, intitulada "Marco: Memórias: 1927-1977", Joseph Ratzinger afirma que, junto a seu irmão, Georg, foi alistado à "Juventude Hitlerista" apenas quando era obrigatório a todos os jovens.

      Excluir
    2. No livro O poder e a glória, o historiador inglês David Yallop afirma que Bento XVI se alistou voluntariamente.

      Excluir
  14. Tenho medo das pessoas que nunca erram.
    Tenho medo dos donos da verdade absoluta.

    ResponderExcluir
  15. E aparece um teísta e diz que é tudo disfarce dele, que ele era ateu se fingindo de cristão.

    ResponderExcluir
  16. Impressão minha ou a última citação é quase idêntica a uma frase comum dos evangélicos: "Chegará o momento em todos os joelhos se dobrarão e dirão deus é o senhor." A semelhança é realmente desconcertante.
    Cristianismo=nazismo.

    Leandro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A unica diferença é que eles falam jesus não deus, mas fora isso é a mesma coisa.

      Excluir
  17. O pior que este deus ainda tem seguidores que o chamam de pai.

    ResponderExcluir
  18. Hitler não apenas mencionou deus até a exaustão em seu livro como tb em seus discursos. Nesses discursos ele tb babou o ovo do cristianismo e demonstrou mais de uma vez ser contra o ateísmo. Isso sem mencionar que ele declarou o cristianismo como religião oficial da Alemanha Nazista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. disso aí poucos crentelhos sabem, deveriam estudar um pouco mais, afinal eles só leêm a Gibíblia, né? fazer o que

      Beijos Morrigan XD>

      Excluir
    2. Morrigan,

      Fazer o quê se eles são ignorantes por escolha própria?

      Excluir
    3. pois é, eu tenho pena deles, mas não ódio, pois ódio não leva a nada.

      Abraços Morrigan.;-D

      Excluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Os três versículos abaixo mostra a verdadeira face do "Católico" Hitler.

    "Porventura por Deus falareis perversidade e por ele falareis mentiras? Jó 13:7"

    "Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Mateus 7:21"

    "Expulsar-vos-ão das sinagogas; vem mesmo a hora em que qualquer que vos matar CUIDARÁ FAZER UM SERVIÇO À DEUS. João 16:2"


    Concluindo com mais um:

    "Porque Deus não é Deus de confusão, senão de paz, como em todas as igrejas dos santos. 1 Coríntios 14:33"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem coisa mais ridícula que um crente criticando outro pelas próprias crendices?

      /Facepalm gigante

      Excluir
    2. Ué? se YHVH1 não era o deus da confusão, porque fez aquela cagada na Torre de Babel? Porque ele tinha medinho (cagaço) de que os homens chegassem até ele?

      Excluir
    3. Vai ver ele não é tão poderoso quanto dizem.

      Excluir
    4. Filho de Abraão não perde uma oportunidade de passar vergonha em público e ser invariavelmente humilhado até por meninos de 12 anos.

      Seu caso é de masoquismo, crente.

      Att.,

      Espancador de Pastores

      Excluir
    5. como sempre o fernando dá uma de papagaio da briba.

      Excluir
  21. Uai, Grande novidade, quantas menções de Deus tem neste site ateu?

    ResponderExcluir
  22. aposto o meu furico que um crente vai falar de comunismo ateu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc já deu a resposta, regimes ateus são os maiores assassinos do mundo.
      Hitler era da Thule society, a menção a Deus foi para chegar ao poder, político é político.
      O lula tomou até um tranca corpo de pipoca.

      Excluir
    2. Filhote de Abraão

      Trechos de discursos de Hitler (se vc duvida, pesquise vc msm):

      1 - O fato que o Vaticano está concluindo um tratado com a nova Alemanha significa o reconhecimento do Estado Nacional Socialista pela Igreja Católica. Este tratado mostra ao mundo todo claramente e inequivocadamente que a afirmação que o Socialismo Nacional é hostil à religião é uma mentira. (22 de julho de 1933, escrito ao Partido Nazista)

      2 - Os cristãos hoje estão à frente (deste país). Eu juro que nunca me vincularei com partidos que querem destruir o Cristianismo. Nós queremos preencher nossa cultura novamente com o espírito cristão. Nós queremos extinguir todo o recente desenvolvimento imoral na literatura, no teatro e na imprensa em breve, nós queremos extinguir o veneno da imoralidade que entrou nas nossas idas e cultura como resultado do excesso liberal no passado. (Os Discursos de Hitler, 1922 -- 1939, Vol 1)

      3 - Eu digo. Meu sentimento como cristão me mostra ao meu Senhor e Salvador como um lutador. Me mostra ao homem quem uma vez na solidão, cercado somente por alguns seguidores, reconheceu os judeus pelo que eles eram e convocou os homens a lutarem contra eles e quem - por Deus! - foi o maior não como sofredor, mas como lutador. Em ilimitado amor como cristão e como homem eu li através da passagem que nos diz como o Senhor finalmente ascendeu em Seu poder e agarrou o açoite para expulsar do Templo o ninho de víboras. Como foi impressionante Sua luta pelo mundo contra o veneno judeu. Hoje, após dois mil anos, com a mais profunda emoção eu reconheço mais profundamente do que antes o porque Ele derramou Seu sangue sobre a Cruz. Como cristão eu não tenho o direito de permitir ser traído, mas eu tenho o dever de ser um lutador pela verdade e justiça. E como homem eu tenho o dever de ver que a sociedade humana não sofra o mesmo colapso catastrófico que a civilização do mundo antigo sofreu dois mil anos atrás - uma civilização que foi destinada a sua ruína através do povo judeu. (Discurso em Munique, 12 de abril de 1922)

      4 - Nós somos um povo de diferentes credos, mas somos um. Qual fé conquista a outra não é a questão; mais propriamente, a questão é se o Cristianismo permaneça ou caia. Nós não toleramos ninguém em nossos lugares que ataque as idéias do Cristianismo... na verdade nosso movimento é cristão. Nós somos abastecido com o desejo por católicos e protestante descubram um ao outro na profunda aflição de nosso povo. (Discursos em Passau, 27 de outubro de 1928)

      Excluir
    3. Filhote de Abraão,

      (cont)

      5 - O Governo Nacional considerará como seu primeiro e principal dever reviver na nação o espírito de unidade e cooperação. Preservará e defenderá esses princípios básicos no qual nossa nação foi construída. Considera Cristianismo como a fundação da nossa moralidade nacional e a família como base da vida nacional. (proclamação ao povo alemão em Berlim, 1° de fevereiro de 1933)

      6 - Que Deus Todo Poderoso dê à nossa obra Sua benção, fortaleça o nosso propósito, e nos doa sabedoria e a confiança de nosso povo, pois não estamos lutando por nós, mas sim pela Alemanha. (Discurso feito em Berlim, 1° de fevereiro de 1933)

      7 - E agora Staatspräsident Bolz diz que o Cristianismo e a fé católica são ameaçadas por nós. E a essa acusação eu posso responder. Em primeiro lugar são os Cristãos e não ateus internacionais que estão agora à frente da Alemanha. Eu não falo apenas do Cristianismo, não, eu também professo que eu nunca me associarei aos partidos que destroem o Cristianismo. Se muitos hoje desejam pegar o ameaçado Cristianismo sob sua proteção, onde, eu pergunto, estava o Cristianismo para eles nesses quatorze anos onde eles andavam de mãos dadas com o ateísmo? Não, nunca um dano interno tão grande foi feito ao Cristianismo mais do que nesses 14 anos quando um partido, teoricamente Cristão, sentou com aqueles que negavam Deus no mesmo governo. (Discurso feito em Stuttgart, 15 de fevereiro de 1933)

      8 - O Governo do Reich, no qual considera o Cristianismo como fundação inabalável da moral e do código moral da nação, anexa o maior valor para relações amigáveis com a Santa Sé e está se esforçando para desenvolvê-las. (discurso ao Reichstag, 23 de março de 1933)

      Excluir
    4. Filha do chifrudo

      Falar até papagaio fala, O próprio hitler disse que iria esmagar a igreja como se fossem sapos.

      Hitler era mentiroso e vc é desonesta, sabe que tudo isto não era verdade, sabe como era a personalidade de hitler e posta mentiras ditas por hitler para justificar seu ódio contra a religião

      Excluir
    5. "Hitler era mentiroso e vc é desonesta"

      Falácia do Ad HoMiMiMiMi

      Excluir
    6. "Falar até papagaio fala, O próprio hitler disse que iria esmagar a igreja como se fossem sapos."

      Hahahahaha... é tão boçal que se contradiz em poucas palavras.

      Beócio, se você desacredita as próprias palavras de Hitler por dizer que "falar até papagaio fala", então como você pode acreditar que era verdade a tal frase que ele diz que iria "esmagar a igreja como se fossem sapos"?

      PENSA, ANTA!

      Excluir
    7. Pedir pra crente pensar é inútil, Hitler era católico sem, tanto que o Papa Pio XII o tinha em alta conta e o ditador alemão tinha grande respeito pelo mesmo, Pio poderia ter pedido para Hitler pelo menos diminuir a caçada aos judeus, mas não o fez.

      Excluir
    8. Anônimo25 de setembro de 2012 23:09

      Pode dar om piti que quiser.

      Hitler era o esteriótipo do cristão.

      Simples assim.

      E chora. Ninguém aqui vai pagar dízimo para sustentar a vida mansa e os caprichos do seu pastores. :)

      Att.,

      Espancador de Pastores

      Excluir
  23. Anônimo (25 de setembro de 2012 23:09)

    Em vez de vc apelar para o ad hominem por causa de sua incapacidade e/ou preguiça de argumentar, pq vc msm não pesquisa e veja com seus próprios olhos que Hitler realmente falou o que eu citei?

    >> "Hitler era mentiroso e vc é desonesta, sabe que tudo isto não era verdade"

    Hitler era um mentiroso pq ele enganou o povo sobre a tal bobagem da supremacia ariana. Infelizmente, a maior parte do povo alemão da época foi idiota de acreditar nessa lorota.

    Eu sei que isso é verdade pq tive aulas de história e pesquisei mto sobre o nazismo e a praga do Hitler.

    >> "O próprio hitler disse que iria esmagar a igreja como se fossem sapos."

    Fontes, por favor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando foi que eu disse que Hitler não disse isto?
      Que horas eu disse isto?

      Vc acha que eu não sei que ele disse isto?

      Vc é muito infantil

      Quantos as fontes, vc chega ser ridícula, acredita mais em um genocida, mentiroso, assassino, canalha, megalomaníaco, racista, ditador sanguinário, que dizia ser religioso quando fazia campanha eleitoral

      Do que em mim? magoei snif snif...

      Excluir
    2. Falou, falou e nada, cade as fontes, tentar fugir com choradeira é dose, a Michelle não disse em nenhum momento que tinha acreditado, só pediu que você provasse o que escreveu.

      Excluir
    3. gosto dos comenmtários da michelle, sempre me surpreendem com sua lucidez , também quando algum crente fala alguma coisa sem provas ela exige provas daquele afirmação.

      Excluir

  24. Anônimom (25 de setembro de 2012 23:36)

    >> "Quando foi que eu disse que Hitler não disse isto?"

    Aqui filhinho: "Hitler era mentiroso e vc é desonesta, sabe que tudo isto não era verdade, sabe como era a personalidade de hitler e posta mentiras ditas por hitler para justificar seu ódio contra a religião"

    >> Eu acredito em fatos históricos. Se vc disse que Hitler falou que iria esmagar a igreja como se fosse sapos eu quero que vc me mostre onde e qdo Hitler disse isso. Eu quero fontes. Ou vc espera que eu acredite apenas na sua palavra? Isso não vai acontecer...sorry, honey. Fontes ou não aconteceu, entiendes?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putz grila, mentiroso no que diz respeito a sua crença religiosa.

      Fontes: Não digo, n digo, digo!

      Ou melhor eu digo se vc me pedir desculpas por me chamar de mentiroso, e botar fê na fé do Hitler

      Excluir
    2. Anônimo (25 de setembro de 2012 23:50)

      >> "Putz grila, mentiroso no que diz respeito a sua crença religiosa."

      Prove.

      >> "Ou melhor eu digo se vc me pedir desculpas por me chamar de mentiroso, e botar fê na fé do Hitler"

      Resolveu fazer piti e chantagem emocional? Que lindo...ou não. Eu não boto fé no Hitler pq ele era um psicopata maluco e genocida e nunca que eu apóio genocidas e psicopatas.

      Não vou pedir desculpas pq eu não te chamei de mentiroso, apenas disse que - sem fontes que corroborem seus argumentos - eu não acredito em vc.

      Se vc está falando a verdade, prove. Quem não deve não teme. Dê as fontes que corroborem seu argumento que Hitler disse que ele iria esmagar a igreja como se fosse sapo e que ele era mentiroso sobre sua crença religiosa. Ou será que vc continuará fugindo da raia com chantagem emocional e faniquito?

      PS: se vc apela para chantagem emocional e faz piti para não mostrar as fontes do que Hitler disse é mais um motivo para eu não acreditar em vc e tb é motivo para eu começar a suspeitar que vc tirou essa do seu suvaco só pra trollar.


      Excluir
    3. ah, pede desculpa vai, não custa e vai fazer bem pra vc.

      Excluir
    4. Diz as fontes vai, também não vai custar nada e vai, ou vai ficar de choradeira.

      Excluir
  25. Anônimo (25 de setembro de 2012 23:36)

    Eu não odeio religiões, apenas tem algumas coisas que eu sou contra em algumas religiões. E msm - pelo bem do argumento - se odiasse não precisaria de citar os discursos do Hitler pra justificar esse ódio. Eu sou capaz de dar meus próprios argumentos pra isso sem apelar para autoridades, querido.

    ResponderExcluir
  26. Anônimo (26 de setembro de 2012 00:12)

    Deixa eu pensar...hum...não.

    ResponderExcluir
  27. O famoso nazista, criou uma verdadeira seita, com regras muito semelhantes as religiosas. Só que ele era o divino. Só isso, o esquema é o mesmo. A biblia ensina a dominar melhor do que o poder das armas. Enquanto usava o esquema da religião conseguiu unir o povo. Ao tentar dominar outros povos pela força, acabou sucumbindo. Acredito que se usa-se do esquema religioso, poderia ter conseguido mais dominação.

    ResponderExcluir
  28. Em 1925, o ensaio incompleto de Eckert Der Bolschewismus von Moses bis Lenin: Zwiegespräch zwischen Hitler und mir ("Bolchevismo de Moisés a Lênin: Diálogos Entre Hitler e Mim") foi publicado postumamente, embora já tenha sido demonstrado (Plewnia 1970) que os diálogos foram uma invenção; o ensaio foi escrito por Eckart sozinho. "Entretanto, este livro permanece um indicador confiável da visão do próprio Eckart."[3] O historiador Richard Steigmann-Gall cita do livro de Eckart:[3]
    "Em Cristo, a encarnação de toda masculinidade, nós encontramos tudo de que precisamos. E se nós ocasionalmente falamos de Baldur, nossas palavras sempre contém alguma alegria, alguma satisfação, de que nossos anscestrais pagãos já eram tão cristãos a ponto de ter uma indicação de Cristo nesta figura ideal." – Dietrich Eckart
    Steigmann-Gall conclui que, "longe de advogar um paganismo ou religião anti-cristã, Eckart mantinha que, na reviravolta alemã do pós-guerra, Cristo era um líder a ser imitado."[3]
    Numa das conversas registradas no livro, Hitler expôs com franqueza o que teve a cautela de não dizer em público: a própria religião cristã fazia parte da trama judaica de conquistação mundial e que Jesus, naturalmente, não era judeu e sim ariano, mas que não foi Jesus o criador da religião cristã e sim o judeu Paulo de Tarso. [4]
    Essas informações, resolvem o problema dos pronunciamentos contraditórios. O ideal de Cristianismo de Hitler era a conduta do próprio Cristo conforme registrada no Evangelho de João, e não o Cristo “paz e amor” dos evangelhos sinóticos e das epístolas paulinas, o que coere perfeitamente com a lógica que rege o surgimento e a transformação das seitas cristãs ao longo da história.
    Fonte:

    [3] Steigmann-Gall 2003: 18.
    [4] Eckart, Dietrich: Der Bolschewismus von Moses bis Lenin: Zwiegespräch zwischen Hitler und mir.

    ResponderExcluir
  29. deuses existem muitos, querer associar o Deus verdadeiro ao deus que hitler invocava é mera arrogancia, alias ele nao faz uma unica referencia a biblia, porque ele acreditaria no Deus judaico-cristao? nao seria isso estranho? e depois perseguir o povo tido como de Deus? os ateus sao desonestos nesse sentido, e Karl Max era ateu ou nao? fidel castro é aateu, e daí? querer associar o cristianismo com maldade, é o mesmo que associar maldade com ateismo.essa guerrinha idiota que os ateus querem fazer é desonesta e ignorante.
    muita gente tem raiva de Deus, porque? porque ele é imutavel, santo e nao discute e nem aceita desobediencia, o homem, o humanismo, é terrivel, pois ensina o homem a ser desobediente, arrogante, sem sentimentos, se pudessem os humanistas fechariam todas igrejas que hà no mundo, e mandariam matar a todos que discordarem deles, acusam tanto a religiao, mas fariam pior do que estas. ate hj nao vi e nunca ouvi falar que um ateu foi morto no brasil, ou em outro país cristao, simplesmente por discordar do cristianismo.o problema é que ateus querem que concordamos com eles como vozes da razao, mas nao querem concordar conosco.no final, ateus fazem papel de ridiculos.se erradicassem a religiao, qual seria a proxima tribo a perseguirem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc é estupido assim mesmo ou só ta trollando?

      Excluir
    2. Izaque Bastos

      Ao contrário de religiosos desonestos intelectuais como a sua pessoa que amam associar de forma exclusiva ateísmo com comunismo e que não aceitam em hipótese alguma como um ser desprezível como Hitler tenha tido a mesma religião que vc, ninguém aqui associa cristianismo com maldade. Pelo menos não de forma exclusiva, pq maldade não é algo exclusivo apenas da religião cristã. Outras religiões como o judaísmo, o islamismo e hinduísmo por exemplo disseminam mto bem a maldade qdo querem.

      A história msm se encarrega disso com as coisinhas de sempre como as cruzadas, a Noite do Massacre de São Bartolomeu que foi uma carnificina de católicos x protestantes; inquisições, a "gracinha" do Martinho Lutero que não deixou nadinha a dever ao anti-semitismo pregado por Hitler séculos depois, preseguição, opressão e conversão forçada de judeus ao cristianismo, etc.

      Ateus não tem raiva de deuses da mesma forma que vc não tem raiva de Jor-El ou do general Zod.

      Sobre a motivação de Hitler perseguir o povo judeu, vc a encontrará nas citações dos discursos de Hitler que postei uns comentários acima.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Izaque Bastos

      E o deus que Hitler acreditava e adorava era o msm deus que vc acredita, vc goste ou não.

      Excluir
    5. hitler também era bichona, a noite das facas longas foi queima de arquivo.

      Excluir
    6. Quem disse que para ser cristão tem que ler a bíblia? Para ser cristão, basta dizer que acredita no deus cristão. Isso é critério da religião QUE VOCÊ SEGUE, e você nem sabe! Hahahahahaha

      E fica tranqüilo, Izaque: o fato do Hitler ter acreditado no mesmo deus que o seu NÃO macula a sua religião... da mesma forma que o fato de Stalin ter sido ateu NÃO macula o ateísmo. Afinal, Hitler matou pelo nazismo, assim como Stalin matou pelo comunismo. Não é verdade?

      Ou você vai defender a BURRICE histórica de dizer asneiras como “comunismo ateu” ou “regime ateísta”, igual aos ignorantes que os pais subornaram professores para o filho passar de ano na escola? Porque seu histórico te condena...

      Ah, deus não existe, e por questão de lógica não há como ter raiva de algo inexistente (talvez na estória contada até causar náuseas).

      Excluir
    7. Aliás, quem disse que para ser cristão tem que se referir à bíblia?

      Excluir
  30. acreditar em Deus ate os demonios acreditam . Dizer que um louco é um matador so por causa da sua religiao é de uma infantilidade tremenda , alias religião não define carater ...

    ResponderExcluir
  31. Anônimo (27 de setembro de 2012 14:50)

    Aqui ninguém tá falando que Hitler foi matador pq acreditava em deus. Ele era desse jeito pq era um louco megalomaniaco, psicopata e genocida.

    Ao contrário de alguns religiosos que cometem um erro crasso ao dizer que os regimes ditatoriais de Stalin e Mao eram regimes ateus em vez de regimes comunistas só pq estes ditadores eram ateus, nós ateus sabemos que o nazismo não era um regime ditatorial cristão.

    Apesar de Hitler ter nomeado o cristianismo como religião oficial da Alemanha Nazista, seu governo era um regime nazista...nada mais além disso. Hitler fez a cagada que fez não pq acreditava em deus e era cristão e sim pq era um maluco de pedra.

    ResponderExcluir

Postar um comentário