Não religiosos tendem mais a doarem seus corpos para ciência

Intenção dos descrentes
é contribuir para o
avanço da medicin
a
Estudo da Universidade de Otago, da Nova Zelândia, feito a partir de entrevistas com 200 pessoas daquele país e da Irlanda e África do Sul, revelou que os não religiosos são  mais propensos a doarem seu corpo para pesquisa da ciência, de modo a contribuir para o avanço da medicina.

Na maioria, essas pessoas têm mais de 60 anos e são ou foram casadas por um longo tempo.

Os religiosos se mostraram mais propensos em relação à doação de sangue, na comparação com quem não é devoto de nenhuma crença.

J. Cornwall, Gary F. Perry, Graham Louw e Mark Stringer, autores do estudo, verificaram, ainda, que as pessoas não religiosas mostraram mais favoráveis em doar seus órgãos, além de serem mais caridosas, dedicando mais dinheiro e tempo aos necessitados.





Fonte: resumo do estudo.

Ateus são mais caridosos que crentes, sugere estudo
maio de 2012


Comentários

  1. Esse estudo abordou um aspecto diferente, o da doação do corpo.
    Agora, eu já vi mais de um estudo relacionando caridade X descrença. Parece para mim que diferentes estudos divergem neste aspecto...
    Acho que estamos carecendo de uma survey atualizada sobre as pesquisas já realizadas nessa área... cd o pessoal de humanas pra resolver isso aí? dá publicação

    ResponderExcluir
  2. Sou doador de sangue e quando morrer, minha família já foi avisada que quero doar meus orgãos. Não vou mais precisar deles mesmo.

    Quanto a doar meu corpo, não sabia que podia isso, mas acho que preferiria ser cremado e ter as cinzas jogadas no mar.

    ResponderExcluir
  3. Eu sou doadora de sangue, medula, e quando morrer vou doar meus órgãos e posso até doar meu corpo, sem problema nenhum.

    Só que se morrer antes dos meus pais, talvez eles não aceitem muito essa ideia, mas fazer o que...

    ResponderExcluir
  4. Pesquisas besteirol.

    Pérola do texto :

    "que as pessoas não religiosas mostraram mais favoráveis em doar seus órgãos, além de serem MAIS caridosas, dedicando MAIS dinheiro e tempo aos necessitados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que a pesquisa mostrou não é, a rigor, novidade. Neste mesmo blog, há outras pesquisas indicando que os não religiosos são mais caridosos do que os crentes, de forma geral. Os cristãos que acham isso um "besteirol" é porque fica implícito que ninguém precisa da ideia de Deus para ser bom. E também porque isso acaba com a sensação que muitos cristãos têm de que são melhores do que os outros. Não são. Em alguns casos, como nesse, os religiosos são piores.

      Excluir
  5. Há um aspecto nesta questão da doação do corpo, como um todo, que é mais subjetivo e afeta nossa psicologia, que é a imagem de um corpo humano, e a relação dos parentes com este corpo.

    Por exemplo, mesmo que seja legal e lógico a doação de órgãos, ninguém espera que os parentes assistam a retirada, devido a dor de ver seu ente querido ser aberto. Mesmo quem sabe perfeitamente que mais nada resta da mente, da identidade, do ser humano que havia ali, não se pode vencer na natureza humana nessa questão.

    Eu doaria meus órgãos, mas, como disse muito bem a Bruna, apenas doaria meu corpo se isso não causasse dor e dano psicológico a meus parentes, pais, filha, esposa, etc.

    Um ato como cremar e jogar as cinzas pode ser mais "curativo" para a dor de quem fica, do que a ideia de meu corpo sendo utilizado para a ciência, em uma mesa de laboratório. Eu não dormiria bem a noite pensando nisso, mesmo sabendo perfeitamente o quão ilógico e irracional é este pensamento.

    É bem diferente, para os que me amaram enquanto vivo, por exemplo, de pensar em meu coração no peito de outra pessoa, salvando uma vida.

    Respeito imensamente os que doam o corpo todo para a ciência, e gostaria de fazer isso, mas no momento vou até a doação de córneas e órgãos. Quem sabe se eu viver o bastante, possa mudar de posição.

    Cognite Tute

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pejo jeito a sua racionalidade superior ateísta só vai até a página 5.

      Excluir
    2. Anonimo: "Pejo jeito a sua racionalidade superior ateísta só vai até a página 5."

      Está enganado. Minha racionalidade envolve entender inclusive as emoções humanas, e agir de acordo com este entendimento.

      Ser racional não significa não ter sentimentos, ou não se importar com eles. Pelo contrário, significa compreende-los melhor, mais profundamente, e tomar decisões que menos mal causem a outros.

      Não ligo para o que será de meu corpo depois que eu morrer, mas certamente me importo com a dor que minha morte causará a meus familiares, e me importo com o que poderiam sofrer, a mais, pensando no que aconteceu com meu corpo.

      Por isso considerei que uma cremação, e o espalhar das cinzas, mesmo que sem os órgãos doados, é mais curativa, mais simbólica, e permite mais conforto aos que ficam, que a doação do corpo todo. Mas é uma escolha, pessoal e humana.

      E não há algo como "racionalidade superior ateísta", há apenas ser mais ou menos racional em diferentes circunstâncias da vida. E pensar sobre estas circunstâncias, e entender as motivações e pulsões humanas.

      Cognite Tute

      Excluir
  6. Sou doador de sangue e já disse pra minha família q podem doar meus órgãos quando morrer. Sou ateu tbm.

    ResponderExcluir
  7. Será que é porque eles sabem que os bichos não vão querer comer a carcaça?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ou tem medo de se verem sendo comidos e não aguentar o tranco?

      Excluir
  8. Nosce: "Será que é porque eles sabem que os bichos não vão querer comer a carcaça?"

    Por que não quereriam? Sei que deve estar querendo fazer piada (e eu gosto muito de piadas, ironias e até sarcasmo.:-), mas piadas precisam pelo menos fazer algum sentido, ou ficam sendo apenas grosserias tolas.

    Sabemos que bichos, vermes, micróbios, comem qualquer defunto, ateu ou crente, sem distinção. Por que então "saberíamos" que bichos não quereriam comer a carcaça?

    Não faz nenhum sentido.:-/

    Nosce: "Ou tem medo de se verem sendo comidos e não aguentar o tranco?"

    Esta frase eu entendi menos ainda, pode "desenhar" por favor?.:-) Como exatamente um ateu teria medo de "se ver sendo comidos"?

    Quem deveria, pela lógica, temer isso são os que creem que depois de morrer vão andar por aí como "fantasminhas" desencarnado, não?

    Sei lá, talvez seja imitação minha, mas não consigo ver qualquer sentido em sua "gozação" com maior disposição de doar corpos a ciência de não religiosos.:-)

    Cognite Tute

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cognite Tute9 de maio de 2012 23:19

      1- Os caras são tão ruins que nem bicho come.

      2 - ateu materialista se apega a matéria e o espírito fica vendo o banquete cujo prato principal é ele

      Cognite Zero

      Excluir
    2. Nosce sem noção, isso explica menos ainda.:-)

      Não existem "caras tão ruins que nem bicho come" (a não ser que conte as múmias de santos que são, pretensamente, incorruptíveis.:-).

      Como eu disse, piadas precisam fazer algum sentido, ou são apenas bravatas e grosserias sem razão.

      Hitler, ou Dona Zilda Arns, corpos apodrecem, pois são apenas mamíferos, primatas, seres vivos no ciclo da vida (embora alguns sejam arrogantemente pretensos filhos de deus.:-).

      Ateus não se apegam a matéria, apenas não veem evidência de mais que isso neste universo. E, mais uma vez, o resto da frase não faz muito sentido (sei que deve achar brilhante, mas não é.:-).

      Como o espírito de um ateu, que não vê evidências de que existam tais coisas, "fica vendo" o tal banquete? E o que isso tem a ver com doar o corpo para a ciência?!?

      Tirando as suas naturais dificuldades cognitivas, acha mesmo que fez uma "piada" com ateus, ou que isso foi algum tipo de "zoação" conosco?! Sério?.:-)

      Religiosos, sempre dando tiros nos próprios pés..:-)

      Tente entender, Nosce sem noção, doar o corpo a ciência é algo nobre, seja você religioso ou não. Se vai fazer piada, pelo menos crie algo que faça algum sentido.:-)

      Cognite Tute

      Excluir
  9. PauloPes excelentes noticias, mas so faltou uma postagem aqui nesse blog sobre O Novo Codigo Florestal.

    ResponderExcluir
  10. Ateus e religs ñ fanaticos são mais caridosos porque fazem porque se sentem bem e não esperam reconpensa por isso.

    ResponderExcluir

Postar um comentário