Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

segunda-feira, 9 de abril de 2012

No Egito, jovem cristão pega três anos de prisão por ofender Maomé

Massoud divulgou uma
animação de Maomé
Enquanto no Brasil cristãos conseguem convencer o Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) a vetar um anúncio do Red Bull protagonizado por Jesus, no Egito é um cristão de 17 anos que sofre punição sob a acusação de blasfêmia contra Maomé.

Gamal Abdo Massoud (foto) foi condenado a três anos de prisão por ter colocado no Facebook desenho animado do profeta.

Não foi a primeira condenação desse tipo. No ano passado, Ayman Yousef Mansour pegou três anos de prisão e de trabalho forçado por ter "insultado" Maomé na rede social.

No caso de Massoud, antes mesmo do julgamento ele e a sua família tiveram de sair às pressas de sua casa, que foi depredada pela população.

A maioria (90%) dos 81 milhões dos habitantes do Egito é formada por muçulmanos sunitas.

Com informação das agências.

Padre não deixa que evangélico seja enterrado em cemitério católico.
novembro de 2011

Religião contra religião.

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...