sábado, 3 de abril de 2010

Malhação do Judas teve boneco do médico acusado de abusos sexuais

Boneco do Roger Abdelmassih.
Embora esteja fora do noticiário, o médico Roger Abdelmassih, 66, foi lembrado na Malhação do Judas do bairro do Cambuci, São Paulo.

Um boneco (foto) do especialista em fertilização in vitro acusado de abusar sexualmente de mais de 60 pacientes esteve, neste sábado (3), ao lado de outros, como o de Alexandre Nardoni e de sua mulher Anna Jatobá, que acabam de ser condenados pelo assassinato da menina Isabella, e do governador do Distrito Federal José Roberto Arruda (ex-DEM), que se encontra preso sob a acusação de corrupção.

Com um desenho do rosto do médico, a inscrição ‘Dr. Roger’ e um estetoscópio no pescoço, o boneco de Abdelmassih foi malhado por crianças em cinco minutos.

"Todos os anos, o que fazemos aqui é 'malhar as pessoas' que, de alguma maneira, agrediram a sociedade”, disse Osvaldo Rodrigues das Neves, o Magrão, organizador da tradicional malhação, de acordo com o portal Terra.

Abdelmassih foi preso preventivamente em 17 de agosto do ano passado por determinação do juiz Bruno Paes Straforini, da 16ª Vara Crimina Central de São Paulo.

Ele teve negado pedido de habeas corpus por diversos tribunais da Justiça até que, no dia 23 de dezembro, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes decidiu soltá-lo.

Como se trata de uma decisão liminar (portanto provisória), a soltura terá de ser confirmada ou não pelo plenário do STF em sessão cuja data não se sabe ao certo.

> Caso Roger Abdelmassih.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...