Justiça nega mais um pedido de indenização à família de fumante

A Justiça já indeferiu 525 pedidos de indenização de famílias de fumantes que morreram ou tiveram a saúde prejudicada pelo cigarro.

cigarro O mais recente indeferimento foi sentenciado pela 10ª Câmara Cível do TJ (Tribunal de Justiça) do Rio Grande do Sul. A família de Liane Hüber, que morreu por causa de problemas respiratórios, estava pleiteando da Souza Cruz compensação por danos morais e materiais.

O TJ confirmou por unanimidade a decisão do juiz de primeira instância segundo a qual é de conhecimento público os riscos oferecidos pelo cigarro e que os consumidores têm o livre arbítrio para fumar ou não. As informações são do site do TJ.

A Souza Cruz informou que, das ações movidas contra ela, 261 já foram encerradas, ou seja, não cabe mais recursos, e que em todas a a decisão da Justiça foi pelo não pagamento de indenização.

> Mais sobre cigarro.

> Mil pênis são amputados por ano por causa de câncer. (julho de 2009)

Semelhantes

Postagens mais visitadas deste blog