terça-feira, 10 de março de 2009

Adriane morre após lipo no Hospital das Clínicas em SP

Ex-modelo Adriane Mabi Iafrate

A ex-modelo Adriane Mabi Iafrate (foto), 35, morreu sete dias depois de ter sido submetida a uma lipoescultura no dia 2 deste mês, uma segunda, no Hospital das Clínicas em São Paulo. Ela foi operada na ala dos pacientes com plano de saúde.

Adriane saiu do HC caminhando um dia após da cirurgia. Depois, quando se sentiu mal, procurou o Hospital São Mateus, zona leste.

O corpo foi enviado para o IML (Instituto Médico-Legal) para determinar a causa da morte. O laudo sairá em 40 dias.

Vagner Iafrate (foto), marido da ex-modelo, disse que Adriane cuidava da saúde e suspeita que tenha havido erro médio. “Ela estava preparada para a cirurgia.”

Ao SPTV, da TV Globo, afirmou que um legista lhe falou que Adriane não teria passado bem antes da cirurgia. “Disseram que ela tinha problemas de fígado e de insuficiência respiratória que se agravaram um pouco antes da cirurgia.”

Vagner ficou revoltado ao ouvir de um legista que Adriane deveria ter ficado na cozinha lavando louça, e não fazer lipoescultura, submetendo-se ao risco de infecção.

Iafrate reconhece que a sua mulher não precisava da plástica. “Era perfeita. O problema dela era psicológico: queria fazer a cirurgia.”

Adriane deixou um filho pequeno.

> Erros médicos?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...