terça-feira, 7 de outubro de 2008

Maníaco da Cruz já matou três pessoas em Rio Brilhante

Neste ano pelo menos três pessoas foram mortas na cidade de Rio Brilhante, em Mato Grosso do Sul,  por um fanático religioso chamado pela imprensa local de Maníaco da Cruz.

Catarino_Gardena
Gleice, a terceira vítima
A mais recente vítima foi encontrada hoje (7) sem blusa em uma casa em construção com o corpo em forma de cruz: os braços estavam abertos e os pés, juntos (foto). Trata-se de Gleice Kelly da Silva, 13, morta por asfixia decorrente de  esganadura. Ela tinha saído de casa para dormir na casa de um amiga. O corpo da menina foi reconhecido pela mãe dela pelas fotos tiradas pela perícia.

A morte do pedreiro Catalino Gardena, 30, em 24 de julho levou a polícia a concluir que há na região um maluco que mata por motivos religiosos.

image
Catalino, a primeira vítima
Gardena foi assassinado com uma facada no coração, além de ter sido esganado com um saco de lixo. Em seu peito, foi escrito à faca INRI, que significa 'Jesus Nazareno Rei dos Judeus'. De acordo com o Evangelho de São João, Pilatos mandou afixar esse acrônimo na cruz onde Jesus Cristo foi morto. O corpo de Gardena foi  deixado em um terreno baldio (foto).

image
Letícia, a segunda vítima
A segunda vítima, a frentista Letícia Neves de Oliveira (foto abaixo), 22, foi encontrada despida no dia 24 de agosto sobre um túmulo do Cemitério Municipal. Estava na posição de cruz e em seu pescoço havia sinais de asfixia, que é como se dá a morte por crucificação.

A  polícia não tem nenhuma pista sobre o assassino. Mas para o delegado Elias Pereira Soares, as mortes “só podem ser obra de alguma seita satânica”.

Se uma seita estiver de fato por detrás dos crimes, pode haver mais de um assassino. A polícia local pediu reforço à delegacia regional.

image > INFORMAÇÃO de  9/10/2008:  Polícia prende suspeito de ser o Maníaco da Cruz; ele tem 16 anos e teria se inspirado no Maníaco do Parque.

Para o delegado, é possível também que o fanático religioso tenha resolvido combater o que ele entende ser o mal: Letícia era homossexual (morava com outra mulher) e Gardena bebia demais. Mas neste caso não se sabe por que o maluco teria matado a menina de 13 anos.

Até a primeira morte, Rio Brilhante era uma cidade tranqüila. Ela tem 27 mil habitantes e fica a 155 quilômetros de Campo Grande, a capital de Mato Grosso do Sul. Sua economia é movida pela agropecuária. Tem três usinas de álcool e açúcar.

O site Dourados.com, da cidade vizinha de Dourados, a 60 quilômetros, relata: “O maníaco continua solto, espalhando terror naquele município. As famílias estão alvoroçadas e a imprensa de todo país está ligando para a delegacia de Rio Brilhante [na foto abaixo].”

image


ATUALIZAÇÃO em 8/10/2008

A polícia disse ter um bilhete do Maníaco da Cruz e que não pode revelar o conteúdo para não prejudicar as investigações. Mas um jornal da cidade informou que a mensagem é inelegível e que só dá para entender a palavra 'inferno'. O recado -- em um pequeno papel -- foi encontrado sob a cabeça da mais recente vítima, a Gleice, de 13 anos.

Maníaco da Cruz.





Joel decepa mão direita e pênis 'porque Deus quis.
outubro de 2008

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...